TCU mira prejuízo da Lava-Jato

Correio Braziliense
postado em 13/04/2022 00:01

A 2ª Câmara do Tribunal de Contas da União (TCU) decidiu, ontem, abrir um processo para apurar prejuízos ao erário dados pelo ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot e pelo ex-coordenador da força-tarefa da Lava-Jato em Curitiba Deltan Dallagnol, devido a gastos com diárias e passagens no âmbito da operação. A área técnica do TCU identificou gratificações de R$ 7,9 milhões. Em diárias e passagens, os gastos totalizam R$ 5,3 milhões — somando outras viagens, o desembolso vai a R$ 14,7 milhões.

Tags

CONTINUE LENDO SOBRE