CONFLITO NO LESTE EUROPEU

Bolsonaro diz que "mesmo em silêncio" atua para restabelecer a paz na Ucrânia

O chefe do Executivo está em Maringá, no Paraná, para a 48ª edição da Expoingá. Há um mês, Bolsonaro também comentou o conflito e disse que o partido dele é o Brasil

Ingrid Soares
postado em 11/05/2022 19:02
 (crédito: Youtube/Reprodução)
(crédito: Youtube/Reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a comentar, nesta quarta-feira (11/5), sobre a guerra na Ucrânia. Durante discurso na 48ª Edição da Expoingá, em Maringá, no Paraná, o chefe do Executivo fez uma fala para a comunidade ucraniana no estado, afirmando que "mesmo em silêncio, tudo faz para que a paz seja restabelecida”.

“Sei que no Paraná tem uma grande comunidade de ucranianos, nossos irmãos que nós recebemos de braços abertos. Dizer a vocês que este governo, mesmo em silêncio ou em contatos variados, tudo fazemos para que a paz seja restabelecida no país de origem de vocês. Não queremos mortes, queremos paz. E nós, cada vez mais, mais do que nos preocuparmos, nos preparamos para que dessa forma, a paz em nossa terra, em nosso Brasil, seja mantida”, apontou.

No último dia 12, Bolsonaro também falou sobre o assunto: “Meu partido é o Brasil”, disse o chefe do Executivo, repetindo discurso de “neutralidade” em relação ao conflito.

 


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE