Nas águas da liberdade

Correio Braziliense
postado em 16/05/2022 00:01

Acompanhado pelo ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, Luiz Eduardo Ramos, e pelo ex-ministro Walter Souza Braga Netto, o presidente Jair Bolsonaro (PL), tirou o dia para visitar locais conhecidos da capital federal. Uma das visitas foi à Feira dos Importados, o que atraiu muitos de seus apoiadores.

O chefe do Executivo também esteve em uma banca de frutas em frente ao Jardim Zoológico de Brasília e visitou na Feira do Guará. Pessoas que estavam na Ponte JK, aguardando a "Lanchaciata", afirmaram que Bolsonaro também passou pela concessionária Harley-Davidson, na 510 Norte.

O presidente havia confirmado uma aparição no evento "Lanchaciata pela Liberdade no Brasil", marcado para as 9h30 da manhã nas proximidades da Ponte JK. O evento começou com baixa adesão, mas a aglomeração de apoiadores aumentou ao longo do dia. No horário do evento, várias embarcações enfileiradas aguardavam o presidente.

Mesmo sem a aparição de Bolsonaro no horário previsto, os bolsonaristas confiavam na participação do presidente. "Não é o estilo dele não aparecer nas programações que ele [Bolsonaro] marca", afirmou uma apoiadora, que não quis se identificar. Durante várias horas, apoiadores ficaram à espera do titular do Planalto.

No final do dia, Bolsonaro finalmente chegou. Ele pilotou uma moto náutica pelas águas do Lago Paranoá. Nesse momento, o cortejo teve adesão de aproximadamente 50 embarcações. Segundo organizadores, foram registradas ao longo do dia 100 embarcações, e a expectativa era de reunir mil pessoas.

Tags

CONTINUE LENDO SOBRE