Eleições

Eleições 2022: Lula afirma que o PSDB 'acabou'

Declaração foi dada durante evento do lançamento do livro Querido Lula: cartas a um presidente na prisão, realizado na noite desta terça-feira em São Paulo

Agência Estado
postado em 01/06/2022 11:36
 (crédito: Reprodução/Youtube)
(crédito: Reprodução/Youtube)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que o PSDB, histórico antagonista do PT na política nacional, "acabou". A declaração foi dada durante evento do lançamento do livro Querido Lula: cartas a um presidente na prisão, realizado na noite desta terça-feira, 31, em São Paulo.

"Um senador do PFL disse uma vez que era preciso acabar com a 'desgraça do PT', o Jorge Bornhuasen. O PFL acabou. Agora, quem acabou foi o PSDB. O PT continua forte, continua crescendo e conseguiu construir a maior frente de esquerda já feita nesse País", afirmou Lula.

Sigla que teve um presidente da República por dois mandatos e terminou em segundo lugar durante quatro eleições (2002, 2006, 2010 e 2014), o PSDB vive hoje o momento mais delicado de sua história. Pela primeira vez, corre o risco de não ter candidatura presidencial própria, após o ex-governador de São Paulo João Doria deixar a disputa.

Caso lance nome na corrida, as chances de vitória são pequenas, diante da polarização entre Lula e o presidente Jair Bolsonaro (PL). Quadros históricos da sigla, como o ex-ministro Aloysio Nunes, já anunciaram que apoiarão o petista em primeiro turno.

CONTINUE LENDO SOBRE