Beleza

Poros dilatados? Existe solução!

Apesar de existir um forte componente genético que interfere no diâmetro dos poros, é possível controlá-los por meio do skincare

Ailim Cabral
postado em 14/11/2021 00:01
 (crédito:  Nivea/Divulgação)
(crédito: Nivea/Divulgação)

Os poros dilatados são vistos como vilões da pele saudável e muitas pessoas acreditam que são reféns dos efeitos negativos. Mas não é bem assim. Apesar da influência da carga genética, é possível diminuir os poros e mantê-los limpos.

Antes de tudo, precisamos entender o que é um poro. Luiz Romancini, médico pós-graduado em dermatologia, criador das fórmulas e sócio-fundador da Creamy, ensina que esse é o nome dado à abertura do folículo piloso na superfície da pele, ou seja, são uma ligação entre as camadas mais profundas da pele, com o ambiente externo.

A médica dermatologista Ana Coutinho, do grupo Pierre Fabre, explica que os poros dilatados são características de peles mistas e oleosas, nas quais a produção de sebo é maior. Cada poro está conectado, por meio de canalículos, às glândulas sebáceas, e, assim, a oleosidade produzida pelo organismo chega até a superfície da pele.

A abertura da pele, que é o poro, tende a se dilatar conforme a quantidade de sebo a ser externada. A dilatação em excesso do poro e do canalículo também aumenta a entrada de substâncias e detritos externos. O acúmulo dessas impurezas forma os comedões e os cravos.

"A presença dos comedões dilata ainda mais o poro, criando um círculo vicioso. Muitas vezes, além da higienização adequada da pele, são necessários tratamentos dermatológicos, como a limpeza de pele e a desobstrução dos poros", comenta Ana Coutinho.

Sendo assim, nas peles oleosas e mistas, a tendência à dilatação é maior, mas pode ser controlada. Da mesma forma, em peles secas ou normais, pode ocorrer um desequilíbrio na produção de sebo, ou seja, os poros também podem ficar maiores.

"As condições externas ou os cuidados com a pele podem influenciar. Uma boa rotina de skincare, principalmente no que se refere à limpeza e à hidratação da pele são fundamentais. O óleo é produzido pelo nosso organismo para proteger a pele e evitar a desidratação. Até o clima pode interferir. Nos períodos mais quentes, a pele tende a ficar mais oleosa e com os poros mais abertos. O sol aumenta a expressão das glândulas sebáceas", explica a dermatologista Patrícia Mafra, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Ela acrescenta que um dos grandes causadores de poros dilatados em peles que não são naturalmente oleosas é o efeito rebote, que acontece quando a camada de proteção da pele é removida completamente, agredindo o rosto e fazendo com que o organismo produza mais sebo para compensar a remoção.

"É importante entender que o sebo é o manto hidrolipídico da pele, é a camada de proteção contra a agressão externa, e possui, inclusive, anticorpos. Sem esse manto, o rosto está mais exposto até mesmo à radiação ultravioleta", alerta Ana Coutinho.

Outro aspecto que pode interferir no equilíbrio da produção de sebo são as alterações hormonais da puberdade. "Após a puberdade, a produção hormonal aumentada estimula as glândulas sebáceas a produzirem mais sebo, e isso reflete, entre outras consequências, em poros dilatados, mas também é o fator que propicia o aparecimento de acne", diz Luiz.

Os dermatologistas ressaltam a importância de visitar um médico para entender quais as principais necessidades da sua pele e usar os produtos adequados e indicados. O uso de produtos que não atendem às especificidades pode piorar a dilatação dos poros e até mesmo agredir a pele.

Com o passar do tempo, a produção de sebo diminui e é importante estar sempre atento para essas mudanças. 

Como cuidar

Lave o rosto todos os dias, ao menos duas vezes, com sabonetes indicados para seu tipo de pele.
Pessoas com pele mista ou oleosa podem lavar até três vezes e devem escolher produtos com efeito antioleosidade duradouro.
Não lave o rosto com água quente. Prefira a temperatura morna a fria ou até mesmo gelada, que pode relaxar a pele irritada.
Remova completamente a maquiagem antes de deitar.
Use cosméticos com efeito matificante ou redutores de poros.
Além de sabonetes voltados para limpeza profunda, use tônicos adstringentes. Eles têm ingredientes que ajudam na limpeza e na contração dos poros, impedindo a entrada de novas impurezas.
Busque produtos com efeito calmante, que aliviam o estresse da pele.
É fundamental lembrar de hidratar a pele após a limpeza. A desidratação pode provocar uma produção aumentada de sebo para compensar a falta de água.
Adote o uso regular de cosméticos com niacinamida, retinol, alfa-hidroxiácidos e ácido salicílico. Eles ajudam a reduzir a produção de oleosidade e a aparência dos poros.
Máscaras faciais com argila e hidroxiácidos podem ser usadas uma a duas vezes por semana para redução imediata da oleosidade. Devem ser aplicadas com cautela e orienta-se a hidratação da pele após o uso dessas máscaras.
O uso de esfoliantes físicos, com grânulos ou partículas que promovem abrasão na pele, pode dar uma sensação de pele mais limpa, mas também pode agredir a pele, prejudicando a sua função de barreira e propiciando irritações e ressecamento excessivo. Também são produtos que devem ser usados com cautela e com frequência esporádica.

 

 

  • Sébium Gel Moussant Actif, da Bioderma (R$ 69,90)
    Sébium Gel Moussant Actif, da Bioderma (R$ 69,90) Foto: Bioderma/Divulgação
  • Nose Strip, da KISS New York (R$ 19,90)
    Nose Strip, da KISS New York (R$ 19,90) Foto: Kiss NY/Divulgação
  • Lenço micelar e demaquilante, da Dailus (R$ 19,90)
    Lenço micelar e demaquilante, da Dailus (R$ 19,90) Foto: Dailus/Divulgação
  • Água micelar demaquilante, da Dailus (R$ 19,90)
    Água micelar demaquilante, da Dailus (R$ 19,90) Foto: Dailus/Divulgação
  • Skincare Gel 7% AHA Ácido Mandélico + Alfa-arbutin, da Creamy (preço sob consulta)
    Skincare Gel 7% AHA Ácido Mandélico + Alfa-arbutin, da Creamy (preço sob consulta) Foto: Creamy/Divulgação
  • Skincare Sérum Ácido Lático 5% AHA + 5% Niacinamida, da Creamy (preço sob consulta)
    Skincare Sérum Ácido Lático 5% AHA + 5% Niacinamida, da Creamy (preço sob consulta) Foto: Creamy/Divulgação
  • Sabonete em gel, efeito matte, da Nivea.
    Sabonete em gel, efeito matte, da Nivea. Foto: Nivea/Divulgação
  • Máscara facial Urban Detox, da Nivea
    Máscara facial Urban Detox, da Nivea Foto: Nivea/Divulgação
  • Gel Complex Antioleosidade, da Età Cosmetics
    Gel Complex Antioleosidade, da Età Cosmetics Foto: Età Cosmetic/Divulgação
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE