Moda

Mais que mãe e filha: melhores amigas

Correio Braziliense
postado em 08/05/2022 00:01
 (crédito:  Ed Alves/CB)
(crédito: Ed Alves/CB)

Simone Correia Trindade, 53 anos, professora aposentada, sempre foi apaixonada por crianças e, assim que se casou, quis se tornar mãe. A primeira filha veio aos 24 e a segunda, aos 30. As três são quase inseparáveis.

O quase fica por conta da caçula, a internacionalista Larissa Correia de Oliveira, 22, que acabou de partir para um intercâmbio na Irlanda, poucos dias depois de posar ao lado da mãe neste editorial. "Fazer essas fotos e ter uma manhã juntinhas usando roupas lindas foi uma forma ótima de comemorar o Dia das Mães", diz a jovem.

A mãe já está saudosa, mas orgulhosa da coragem da filha. "São oito meses. Nunca passamos tanto tempo longe. O coração aperta, mas criamos os filhos para que eles voem e sejam felizes. E isso é o mais importante, que elas sejam felizes", acrescenta Simone.

Larissa comenta que tudo o que é e aprendeu se deve à mãe, que é a sua melhor amiga, para quem ela pode contar tudo e se abrir sem medo. A jovem acredita que a abertura que Simone sempre deu é um diferencial na relação delas.

Poder conversar com a mãe até mesmo sobre coisas não muito aconselháveis que pensava em fazer permitiu que Simone estivesse sempre presente para orientá-la. Definindo a mãe como perfeita, sempre que considerava fazer algo "errado", Larissa pensava no esforço da mãe para que ela tivesse uma vida feliz.

Agora, pela primeira vez, elas vão se separar. Larissa confessa estar estressada por ter de se virar sozinha. "Minha mãe é meio superprotetora e, por mais que seja muito bom ter sempre alguém para cuidar de mim, acho que preciso aprender a fazer isso sozinha também", determina.

Simone, por sua vez, admite a superproteção com as filhas. Apesar de saber que isso tem um lado negativo, adora poder cuidar das jovens, que, para ela, sempre serão suas crianças. 

O sonho de ser mãe de menina foi realizado em dobro e as filhas são as consultoras de moda e beleza de Simone. O estilo delas se mistura. Com referências mais modernas, Larissa e a irmã, que não pôde participar da sessão de fotos, influenciam a mãe, que, por sua vez, sempre dá um toque de elegância no que as filhas usam.

  •  29/04/2022. Cidades. Cidades. Revista. Editorial de Moda - Dias das Maes. Grupo Mulheres do Brasil - Nucleo DF Incentiva adolecentes a votarem nas eleições 2022. Colegio Setor Leste. Na foto Alisson Fernandes.
    29/04/2022. Cidades. Cidades. Revista. Editorial de Moda - Dias das Maes. Grupo Mulheres do Brasil - Nucleo DF Incentiva adolecentes a votarem nas eleições 2022. Colegio Setor Leste. Na foto Alisson Fernandes. Foto: Ed Alves/CB
  •  29/04/2022. Cidades. Cidades. Revista. Editorial de Moda - Dias das Maes. Grupo Mulheres do Brasil - Nucleo DF Incentiva adolecentes a votarem nas eleições 2022. Colegio Setor Leste. Na foto Alisson Fernandes.
    29/04/2022. Cidades. Cidades. Revista. Editorial de Moda - Dias das Maes. Grupo Mulheres do Brasil - Nucleo DF Incentiva adolecentes a votarem nas eleições 2022. Colegio Setor Leste. Na foto Alisson Fernandes. Foto: Ed Alves/CB
  •  29/04/2022. Cidades. Cidades. Revista. Editorial de Moda - Dias das Maes. Grupo Mulheres do Brasil - Nucleo DF Incentiva adolecentes a votarem nas eleições 2022. Colegio Setor Leste. Na foto Alisson Fernandes.
    29/04/2022. Cidades. Cidades. Revista. Editorial de Moda - Dias das Maes. Grupo Mulheres do Brasil - Nucleo DF Incentiva adolecentes a votarem nas eleições 2022. Colegio Setor Leste. Na foto Alisson Fernandes. Foto: Ed Alves/CB
  •  29/04/2022. Cidades. Cidades. Revista. Editorial de Moda - Dias das Maes. Grupo Mulheres do Brasil - Nucleo DF Incentiva adolecentes a votarem nas eleições 2022. Colegio Setor Leste. Na foto Alisson Fernandes.
    29/04/2022. Cidades. Cidades. Revista. Editorial de Moda - Dias das Maes. Grupo Mulheres do Brasil - Nucleo DF Incentiva adolecentes a votarem nas eleições 2022. Colegio Setor Leste. Na foto Alisson Fernandes. Foto: Ed Alves/CB

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE