LANÇAMENTO

Renovação esperada

Único modelo da Audi com sete lugares, Q7 chega ao Brasil com design atualizado e ainda mais recheado de equipamentos

João Fusquine
postado em 23/09/2020 22:31
 (crédito: Christian Castanho/Divulgação)
(crédito: Christian Castanho/Divulgação)

Eis aqui o maior SUV da Audi — o único com capacidade para sete pessoas. Completamente atualizado e com ainda mais tecnologia embarcada, o novo Q7 chega ao Brasil em duas versões a partir de R$ 414.990.

Com um bom tapa no visual, o Q7 ficou bonitão e alinhado com os outros modelos da marca. A dianteira está mais esportiva. Os faróis foram redesenhados e contam com iluminação em LED. A grade dianteira, com seis barras verticais, está maior, assim como as entradas de ar do para-choque.

Na traseira, as mudanças são mais visíveis. As lanternas são interligadas por meio de uma peça plástica na tampa do porta-malas. Também com luzes de LED, o sistema tem acionamento sequencial (piscam de dentro para fora), assim como em outros modelos da linha.

Espaço e conforto

De série, já na versão de entrada, o Q7 é equipado com carregamento para smartphones sem fio, ar-condicionado de duas zonas, bancos dianteiros elétricos e com memória para o motorista, porta-malas com abertura elétrica, faróis de LED e seis airbags — dois frontais, dois laterais e dois de cortina, que se estendem da primeira até a terceira fileira de bancos.

Quer um SUV mais completo ainda? A lista de opcionais inclui ar-condicionado de quatro zonas, câmera 360º, assistente de estacionamento, controle de cruzeiro adaptativo (ACC), entre outros sistemas de segurança e auxílio ao condutor.

Um degrau acima, a versão S- line traz todos os itens de série da primeira configuração, os opcionais mencionados acima e agrega, ainda, o kit visual S-Line com soleiras em alumínio e iluminadas. Especificamente nesta opção, é possível escolher dois pacotes: o Black, com rodas 21” com detalhes escurecidos, frisos decorativos e capas dos espelhos retrovisores e teto na cor preta; além do pacote S-Line, com bancos esportivos. O porta-malas conta com 740 litros com a terceira fileira de assentos rebatida.

Capricho interno

 (crédito: Christian Castanho/Divulgação)
crédito: Christian Castanho/Divulgação

Um dos pontos mais interessantes no novo Q7 diz respeito ao interior. O console foi redesenhado e, agora, além das telas do painel de instrumentos e da central multimídia, tem, uma tela para o controle da climatização.

Debaixo do capô, o novo Q7 ostenta o mesmo motor do modelo anterior — nas duas versões. Um 3.0 V6 TFSI com 340cv de potência e 51kgfm de torque. Toda a força é gerenciada por um câmbio automático de oito velocidades e, depois, transferida para as quatro rodas graças ao sistema de tração quattro.

De acordo com a Audi, o Q7 acelera de 0 a 100km/h em 5,9 segundos e tem velocidade máxima limitada eletronicamente em 250km/h.

Outra novidade é o sistema elétrico, que desliga o motor em velocidades de até 22 km/h, gerando economia de combustível nas desacelerações. Por incrível que pareça, o Q7 pode obter médias de 12km/l, na cidade, mesmo pesando mais de duas toneladas.

Depois de tantas informações, você deve estar se perguntando: tá bom, mas quais são os preços do novo Q7? O modelo custa R$ 414.900, na versão de entrada, e R$ 459.990, na S-Line. Se interessou? O gigante — cheio de estilo e tecnologia — está à venda nas concessionárias Audi de todo o país.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação