Babydoll de Nylon anima o carnaval brasiliense e reúne 65 mil foliões

Inicialmente, a expectativa da Polícia Militar era de que 100 mil pessoas passassem pelo evento

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 06/02/2016 22:06 / atualizado em 06/02/2016 22:11



O Babydoll de Nylon combina com Brasília. O bloco dá certo porque, entre outras coisas, começa e termina na hora certa, afina segurança e atendimento médico com o governo e investe em estrutura. Inicialmente, a expectativa da Polícia Militar era de que 100 mil pessoas passassem pelo evento. No fim do dia, foram confirmados 65 mil foliões, número maior do que o do ano passado, em que o evento chegou a reunir 50 mil pessoas.

Dezenas de banheiros químicos foram colocados na Praça do Cruzeiro, onde ocorreu a festa, entre o meio-dia e as 19h50. Embora o bloco estivesse programado para desligar o som às 19h, só atrasou o encerramento porque a turma que estava lá pediu, a organização negociou, e a PM liberou. Durante o dia, não foram registradas ocorrências pela corporação.

Foram contratados 40 brigadistas, seis médicos e o mesmo número de enfermeiros e de ambulâncias — divididas em quatro pontos de apoio. A maioria dos atendimentos envolveu o consumo excessivo de álcool.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
João
João - 07 de Fevereiro às 14:32
Dr. Estou com Zika Vírus & Quero ir sair no Bebidoll de Naylon! Calma! Vamos tratar de uma doença de cada vez!. Ki.ki.ki.ki.ki. Bichonassssssssssss!