SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Veja vídeo: traficantes são presos com drogas e submetralhadora no Guará II

Na casa de um deles a polícia encontrou um laboratório de produção de haxixe. Na mesma residência havia uma submetralhadora, uma carabina e projéteis

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 08/11/2016 09:00 / atualizado em 08/11/2016 16:04

Polícia Militar/Divulgação
 
Uma grande apreensão de droga no Guará II, por volta das 18h30 desta segunda-feira (7/11), terminou com nove pessoas na delegacia. De acordo com a Polícia Militar, uma equipe da Rondas Ostensivas Táticas Metropolitana (Rotam) percebeu que um homem traficava entorpecentes em uma loja na QE 40, Conjunto D. Ao se aproximar, os militares abordaram cinco pessoas, entre elas uma mulher. Com quatro deles, policiais encontraram porções de maconha e um tinha R$ 1 mil em dinheiro. Na loja, estavam, ainda, 1,5 quilos de maconha em um armário e duas balanças de precisão. O proprietário do estabelecimento não estava no local.

Segundo a corporação, policiais foram até a residência do homem, em Arniqueiras. Na casa dele, estavam três homens. Com dois, policiais identificaram porções de maconha, mas o dono da loja e da casa não estava no local. De acordo com a PM, na residência havia, ainda, um laboratório de produção de haxixe. Militares apreenderam aproximadamente 1 quilo de maconha ralada, um pé de maconha de, aproximadamente, 50 cm, material para esquentar e secar a droga, duas balanças de precisão, além de diversos materiais utilizados para a produção do entorpecente.
 

A equipe também localizou uma submetralhadora calibre 4.5 mm, uma carabina de calibre 4.5 mm, um projétil de calibre 22, outro de calibre 50 e uma bala de calibre 223. No momento em que policiais ainda estavam no local, o proprietário da residência e da loja chegou em uma caminhonete. Ao ser abordado e indagado sobre a droga, ele confessou que era dele. Além disso, segundo a PM, no celular do homem havia uma intensa negociação de drogas.
 
Depois, policiais seguiram para a casa de um dos funcionários da loja abordado ainda no estabelecimento. Na residência dele, os policiais acharam 22 tabletes de maconha e uma máquina para embalar o produto a vácuo dentro de uma mala. De acordo com a PM, o homem informou que guardava o material para o "patrão" e, para isso, receberia a quantia de R$ 2 mil.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade