SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Motorista alcoolizado atropela ciclistas que pedalavam em grupo

O acidente aconteceu na DF-480. O grupo seguia rumo ao Balão do Periquito, na entrada do Gama quando o motorista atingiu os ciclistas

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 26/11/2016 08:41 / atualizado em 26/11/2016 12:24

Luiz Calcagno

CBM/Divulgação
Um motorista alcoolizado atropelou três ciclistas que participavam de um grupo de pedal com outras 38 pessoas. O acidente aconteceu na DF-408, próximo ao Caub, por volta de 22h55 desta sexta-feira (25). Bruno Henrique do Carmo Amorim, 29 anos, conduzia um VW Gol vermelho quando atingiu as vítimas. O caso foi registrado na 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul).

Leia mais notícias em Cidades
 
Os ciclistas seguiam à direita da pista, que tem limite de velocidade de 80km/h. Bruno relatou à polícia que estava à esquerda e seguia atrás de um veículo que dirigia abaixo do limite da via. Ele mudou de faixa para fazer a ultrapassagem pela direita e se chocou contra as vítimas. O condutor se submeteu ao teste do bafômetro na delegacia. Consta na ocorrência que o teste deu positivo para embriaguez, "com índice de 0,45 mg/L de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões".

Após o teste, os policiais deram voz de prisão para Bruno. O caso mais grave foi o de Elza Carvalho, 40. Ela sofreu uma fratura no braço esquerdo, mas estava consciente e orientada na hora do socorro. Socorristas do Corpo de Bombeiros a levaram para o Hospital Regional do Gama. Mauro Batista Lisboa, 40, sofreu apenas escoriações, mas foi levado ao HRG por precaução.

Cristina Gomes Terra, 49, foi atendida por paramédicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, Samu, mas não chegou a ser levada para o hospital. Consta na ocorrência registrada pela Polícia Civil que, por conta do risco de um novo acidente, não foi possível fazer perícia no local. O carro de bruno foi apreendido e será periciado. 

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
João
João - 27 de Novembro às 04:55
Enquanto nesse país, o motorista cachacinha não for direto pra cadeia e passar um bom tempo por lá, o problema vai criar cabelo e todos eles continuarão à fazerem as merdas de sempre!

publicidade