PM é acionada 147 vezes para atendimento de violência doméstica no domingo

Na maioria dos atendimentos, foi necessário a intervenção policial. Cinco agressores foram presos em flagrante

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/07/2017 11:47 / atualizado em 10/07/2017 11:58

Apenas neste domingo (9/7), das 6h às 23h59, a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) foi acionada 147 vezes para atendimento de violência doméstica. Segundo informações da corporação, na maioria das chamadas, foi  necessário a intervenção policial. Cinco agressores foram presos em flagrante. 
 
 
No Paranoá, por volta das 6h20, um homem, 31 anos, foi preso após ameaçar a esposa com uma faca e agredir uma jovem, 17. A adolescente agredida é sobrinha da vítima e tentou ajudar a tia. O agressor já tinha passagem pela Lei Maria da Penha. 
 
Na Estrutural, às 6h50, um homem, 22, agrediu a companheira, de 33, e foi preso. Ele já tinha passagem pela polícia. Também na Estrutural, outro agressor, 31, ameaçou matar a esposa e a sogra. Ele portava uma faca e foi preso em flagrante. 
 
Após ameaça do marido, que utilizava uma faca, uma mulher, 22, se trancou em casa e acionou a PMDF. Ao chegar no local, a polícia prendeu o agressor, 21, em flagrante. Ele também tinha passagem pela Lei Maria da Penha. 
 
No Assentamento Doroty, em Sobradinho, por volta das 22h45, um homem, 27, foi preso por ameaçar a esposa com um facão. A mulher, 27, foi agredida nas pernas e nos braços. Ele bateu com o facão na vítima e disse que, se fosse preso, a mataria. Policiais militares prenderam o agressor em flagrante. Ele já tinha passagem por Maria da Penha.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.