Em blitz de três horas, Detran autua 17 motoristas pela Lei Seca

Em um dos casos, o condutor estava acima de 0,34 mg/l de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões e foi detido

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 11/08/2017 10:06 / atualizado em 11/08/2017 12:31

André Borges/Agência Brasília

 
Em uma operação do Departamento de Trânsito (Detran) na noite desta quinta-feira (10/8), 17 pessoas foram notificadas por dirigirem sob efeito de álcool. Em um dos casos, o condutor estava acima de 0,34 mg/l de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões e foi detido. De acordo com o órgão, a legislação brasileira determina que a tolerância para embriaguez no volante seja zero, mas a partir desse nível, a ação é considerada crime. 
 
 
Além desse caso, outros 11 motoristas foram pegos dirigindo sem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), dois com o documento vencido, e um com a CNH suspensa. Durante a blitz, o Detran removeu 18 veículos das ruas, e conseguiu recuperar um carro roubado e outro clonado. A ação teve início à 23h, e término às 2h desta sexta-feira (11/8).   
 

Legislação

 
Para os casos em que o bafômetro apontar nível superior a 0,34 mg/l, o motorista recebe uma punição administrativa, multa de R$ 2.931,70, e a pessoa perde sete pontos na CNH. O condutor também tem o direito de dirigir suspenso e responde a processo criminal.
 
 
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.