Idoso é espancado após pedir para homem não urinar no chão

Aposentado de 81 anos foi atingido por trás ao voltar do supermercado, no Cruzeiro Novo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/08/2017 17:04 / atualizado em 20/08/2017 22:24

Arquivo pessoal

 

Um idoso de 81 anos foi agredido na manhã deste domingo (20/8) após reclamar que o agressor urinava na frente do bloco onde moram, no Cruzeiro Novo. Segundo a família, a briga começou quando o aposentado, da janela do apartamento, chamou a atenção do suspeito. Incomodado, o homem esperou a vítima voltar do supermercado e a atingiu por trás com socos e chutes. 

 

Leia mais notícias em Cidades

 


O idoso foi atendido no Hospital das Forças Armadas (HFA) com hematomas nas coxas e suspeita de entorse no pulso. Ele só procurou a unidade médica porque a família e policiais insistiram. O caso chegou inicialmente à 1ª Delegacia de Polícia na Asa Sul. Mas, de acordo com a Polícia Civil do Distrito Federal, a investigação passou depois para a 3ª Delegacia de Polícia, no Cruzeiro Velho.

 

A covardia deixou os familiares do idoso indignados. "Meu pai só pediu para o rapaz não urinar no chão. Ele é tão 'da paz' que não queria nem mesmo ir à delegacia", conta um dos filhos da vítima. Ele pediu para que o nome do pai não fosse divulgado. Os parentes, agora, se preocupam com o fato de o aposentado morar apenas com a esposa no Cruzeiro. Segundo o outro filho do casal, o agressor ainda ameaçou o idoso. "Ele disse para meu pai nem mesmo olhar para a cara dele".


Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.