Brasilienses enfrentam filas no último dia para pagar o licenciamento anual

Até o momento, apenas 51% da frota está licenciada. Quem não tiver com o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo de 2017 em dia pode sofrer penalidades

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 31/08/2017 16:21 / atualizado em 31/08/2017 21:33

Antônio Cunha/CB/D.A Press

 

No último dia para o licenciamento de veículos do Distrito Federal, filas em postos de atendimento do Departamento de Trânsito (Detran) chegavam a sair do estabelecimento e dar voltas em torno do edifício. Quem deixou para a última hora, não conseguiu entrar no posto sem ter que encarar um bom número de pessoas na frente. A partir desta sexta-feira (1º/9), quem não tiver com o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) referente a 2017 em dia, pode sofrer penalidades. Até o momento, apenas 51% da frota está licenciada. 

 

Leia mais notícias em Cidades

 

No posto de atendimento no Shopping Popular, próximo à antiga Rodoferroviária, a bancária Vilma Martins, 50 anos, já esperava encontrar a fila enorme. Ela tinha ido no posto de atendimento da Rodoviária do Plano Piloto e contou que, devido ao número grande de pessoas, os atendentes não estavam mais entregando senha. "A culpa é nossa, do usuário, porque não foi na hora certa", afirmou. 

 

Antônio Cunha/CB/D.A Press
 

 

Já no caso do bancário Eduardo Serikava, 48, os problemas foram outros. Ele tem dois veículos e precisava atualizar o licenciamento de ambos. Porém, em um dos casos, apesar de ter pago tudo na última terça-feira (29/8), o documento não chegou na residência no prazo estipulado pelo Detran. Com o segundo veículo, outra dor de cabeça: ele esqueceu de pagar o seguro obrigatório e, na hora de tentar resolver a situação pela internet, o site do órgão não estava disponível. "O atendente disse que demorava umas 24h, mas até agora não chegou. Com carro, o site estava fora do ar, então resolvi vir direto. Isso mostra uma precariedade do serviço", afirmou. 

 

Antônio Cunha/CB/D.A Press

Problemas

No posto de atendimento no Shopping Popular, próximo à antiga Rodoferroviária, houve um pico de energia que durou cerca de 40 minutos. O serviço foi restabelecido e o atendimento foi normalizado depois. Mas isso resultou em um fila maior ainda. Alguns relatos disseram que, desde às 9h, a fila é enorme para conseguir entrar na agência.

 

Antônio Cunha/CB/D.A Press
 

 

Mesmo chegando antes das 11h desta quinta-feira (31/8), Jeruza Crispin, 57, teve que enfrentar uma fila maior do que poderia imaginar. "Quando cheguei, tinham 300 pessoas na minha frente", contou. Ela até sabia que a agência estaria cheia no último dia para o pagamento, mas o problema foi que, no caso dela, o documento não chegou em casa. "Já paguei há mais de um mês para não arriscar, mas, dessa vez, não chegou", informou. 

 

O analista de sistemas Alexandre Costa, 31, relata que há dois dias tenta acessar o sistema, sem sucesso. “Já tentei imprimir os débitos algumas vezes desde ontem, mas sempre dá erro. Na primeira tentativa de impressão do protocolo, apareceu uma mensagem de erro e logo depois outra mensagem informando que o documento já havia sido impresso”, diz. “É estressante”, finaliza.

 

 

O Detran-DF informou, em nota, que em função da grande demanda de atendimentos, tanto pela internet como nos postos, o sistema apresentou instabilidade e lentidão no decorrer desta quinta-feira (31), voltando à normalidade por volta das 15h30. "Para sanar o problema, o setor de tecnologia do Detran optou por interromper os serviços oferecidos por meio do site e direcionar o sistema para o atendimento presencial, visando agilizar e reduzir o tempo de espera dos usuários nas unidades", destacou. Ainda segundo o órgão, os serviços oferecidos por meio do site voltarão a ficar disponíveis a partir das 20h, quando será encerrado o atendimento nas unidades.

 
Confira a nota do Detran na íntegra:

 O Departamento de Trânsito (Detran-DF) informa que em função da grande demanda de atendimentos, tanto pela internet como nos postos, o sistema apresentou instabilidade e lentidão no decorrer desta quinta-feira (31/8), voltando à normalidade por volta das 15h30.

 

Para sanar o problema, o setor de tecnologia do Detran optou por interromper os serviços oferecidos por meio do site e direcionar o sistema para o atendimento presencial, visando agilizar e reduzir o tempo de espera dos usuários nas unidades.

 

Os serviços oferecidos por meio do site voltarão a ficar disponíveis, a partir das 20h, quando será encerrado o atendimento nas unidades. 

 

Documentação

Para obter o CRLV 2017 é necessário que o condutor quite todos os débitos do veículo, como seguro obrigatório, taxa de licenciamento, IPVA, multas e taxas de serviço (se houver). Aqueles que não estiverem com o documento atualizado e for surpreendido pelas blitz do Detran, estarão comentendo infração gravíssima, com multa de R$ 293,47. Além disso, o condutor também leva sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), e têm o veículo removido ao depósito do Detran. 

 

Para licenciar o veículo, o condutor não precisa mais ir aos postos do Departamento de Trânsito (Detran-DF). Quem quitou todos os débitos e ainda não recebeu o documento em casa, basta acessar o site do órgão e emitir o Protocolo de Autorização Provisória para a Circulação de Veículo. O documento provisório tem validade de 30 dias e cada proprietário pode tirar a autorização uma única vez. Até o momento, o sistema registrou a emissão de 6.465 autorizações provisórias. 

 

Colaborou Hellen Leite

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
Eric
Eric - 31 de Agosto às 18:51
O Estado não pode apreender o carro devido o IPVA atrasado, isso é CONFISCO, e nesse caso vai contra o CF/88.