Policiais militares aprendem sobre abordagem a deficientes auditivos

O curso, que começou na tarde desta segunda-feira (6/11), vai até sexta (10/11). PMs terão aulas básicas de Libras

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 06/11/2017 19:37 / atualizado em 06/11/2017 19:38

Dênio Simões/Agência Brasília
Nesta semana, policiais militares do Distrito Federal participarão de um curso de abordagem a deficientes auditivos. Segundo o GDF, as aulas da primeira turma contarão com 15 alunos de diversas áreas da corporação.


No total, serão 30 horas/aulas, que ocorrerão sempre à tarde até a próxima sexta-feira (10/11). O intuito da iniciativa é de que os participantes sejam capacitados para repassarem o aprendizado em futuros cursos de formação de soldados e oficiais.

As aulas terão noções básicas de língua brasileira de sinais (Libras). A preparação para o projeto começou em junho do ano passado, quando a Polícia Militar fez pesquisas e aplicou questionários.

Para o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Marcos Antônio Nunes, a novidade é uma forma de garantir dignidade e o direito à segurança dessas pessoas. "A abordagem é o começo de tudo", disse o oficial, durante a aula inaugural desta manhã. De acordo com ele, a expectativa é de que a ação sirva de modelo para outras corporações, dentro e fora do Distrito Federal.

Com informações da Agência Brasília 
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.