SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Cientistas descobrem gruta no Santo Sepulcro, onde Jesus foi sepultado

Os estudiosos serão capazes de ver a superfície da rocha original sobre a qual, de acordo com a tradição, o corpo de Cristo foi depositado

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 29/10/2016 07:00

Thomas Coex


Pela primeira vez em 461 anos, a pedra de mármore que cobre a sepultura de Jesus Cristo -segundo a crença dos cristãos - foi removida por cientistas, no interior de uma edícula situada sob uma das cúpulas da Basílica do Santo Sepulcro, na Cidade Velha de Jerusalém. "O que descobrimos foi surpreendente", afirmou Fredrik Hiebert, arqueólogo da National Geogrephic Society, parceira no projeto de restauração do ambiente. Testes com um radar de penetração determinaram que, sob o painel de mármore da câmara mortuária, existe uma caverna de 1,28m de profundidade conectada à placa rochosa.

Pela tradição cristã, o corpo de Jesus teria sido depositado sobre uma "sepultura em forma de cama" escavada na encosta de uma gruta de calcário entre os anos 30 e 33. "O revestimento de mármore da tumba foi empurrado para trás, e ficamos surpreendidos com a quantidade de material de preenchimento sob ela", explicou Hiebert. "Será uma longa análise científica, mas finalmente seremos capazes de ver a superfície da rocha original sobre a qual, de acordo com a tradição, o corpo de Cristo foi depositado".

Leia mais notícias em Ciência e Saúde

Na tarde de quinta-feira, os cientistas encontraram uma segunda placa de mármore, de cor cinza, com uma pequena gravura de uma cruz e rachada ao meio. Agora, eles pretendem prosseguir com a escavação. "Eu não creio que essa seja a rocha original. Ainda temos de continuar" disse Hiebert. A segunda laje de mármore seria datada do século 12. As principais comunidades cristãs que administram o templo autorizaram um prazo de 60 horas para a escavação. Os cientistas pretendem filmar o que for descoberto e fechar a sepultura.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
ednilson
ednilson - 01 de Novembro às 15:15
Sempre tateando na escuridão.

publicidade