SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Estação Espacial Internacional deve receber mais três astronautas

A cápsula Soyuz MS-03 deve desacoplar da terceira fase do foguete para entrar em órbita a 200 km da Terra

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 17/11/2016 10:16

Baikonur, Cazaquistão - O cosmonauta russo e comandante Oleg Novitsky, a astronauta americana Peggy Whitson e o francês Thomas Pesquet decolarão nesta quinta-feira à noite da base de Baikonur, Cazaquistão, com destino à Estação Espacial Internacional (ISS).

A Rússia é conhecida pela capacidade para realizar lançamentos em qualquer tipo de circunstâncias meteorológicas. Nem a neve que cobre o cosmódromo nem as baixas temperaturas parecem capazes de impedir a decolagem do foguete Soyuz prevista para as 20H20 GMT (18H20 de Brasília).

Quase nove minutos depois, a cápsula Soyuz MS-03 com os três astronautas deve desacoplar da terceira fase do foguete para entrar em órbita a 200 km da Terra.

A Soyuz deve ativar então suas antenas solares e a tripulação iniciará uma viagem de mais de 48 horas a bordo do minúsculo módulo de apenas 2,5 metros de comprimento. A missão dos três tripulantes será colocar-se à mesma altura que a ISS, que orbita a 28.000 km/h a 400 km da Terra.

O acoplamento da cápsula com a estação espacial está previsto para sábado às 22H00 GMT (20H00 de Brasília). A bordo da imensa nave de 400 toneladas, os três serão recebidos pela astronauta americana Shane Kimbrough e os cosmonautas russos Serguei Ryjikov e Andrei Borissenko, que estão na ISS desde 19 de outubro.

Leia mais notícias em Ciência & Saúde

O comandante da Soyuz, o russo Oleg Novitsky, tem grande experiência no espaço. Aos 45 anos, o ex-piloto da Força Aérea russa que acaba de ser pai permaneceu cinco meses na ISS em 2012 e 2013.

A americana Peggy Whitson, de 56 anos, é uma das astronautas mais experientes da Nasa. Ela é a mulher que passou mais tempo no espaço - 376 dias no total - e com seis saídas espaciais, em um total de 39 horas. Além disso, já passou dois períodos na ISS. Seu primeiro voo aconteceu em 2002, quando a estação espacial estava sendo montada.

O francês Thomas Pesquet, ex-piloto de aviões comerciais, é o novato da equipe, aos 38 anos. Ele é o 10º francês a viajar ao espaço, o primeiro desde 2008. Os foguetes russos Soyuz são a única forma de transportar tripulantes para a ISS desde o fim das operações dos ônibus espaciais americanos em 2011.

O retorno dos três astronautas à Terra está previsto para 15 de maio de 2017.

Por France Presse

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade