Cientista se inspira em Hollywood para criar imagens do corpo humano em 3D

Cientista alemão, Klaus Engel, recebeu o prêmio "Inventores do Ano" por desenvolver uma nova técnica de produção de imagens do corpo humano em três dimensões

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 11/12/2016 19:34 / atualizado em 11/12/2016 20:45

Divulgação


Munique, Alemanha
- Pode até parecer ficção científica, mas a impressão tridimensional personalizada de órgãos, próteses, pele, ossos e videoconferências médicas são apenas algumas das aplicações possíveis no universo cada vez mais tecnológico da medicina. Agora, startups querem revolucionar o mundo das imagens biomédicas usando tecnologia inspirada em filmes de Hollywood.

Atualmente, a maioria das imagens biomédicas exige que os médicos criem visualizações em 3D a partir de uma série de dados coletados em imagens 2D, que geralmente são obtidas com equipamentos como scanners de tomografia computadorizada, ressonância magnética e ultrassom. No entanto, uma técnica desenvolvida pelo cientista alemão, Klaus Engel, pretende revolucionar o olhar dentro do corpo humano.

Leia mais notícias em Ciência e Saúde

A atração principal da Healthcare é que os procedimentos existentes, tais como tomografias computadorizadas (CT) e ressonância magnética (MRI), fornecem os dados brutos que tecnologia de renderização cinematográfica pode usar para gerar imagens surpreendentes. "Renderização cinematográfica basicamente funciona como uma câmera virtual. O programa torna possível esconder a tecidos moles, músculos e vasos sanguíneos, dando uma visão clara da estrutura óssea". É o que explica Klaus Engel durante o prêmio Inventores do Ano, entregue a ele, pela Siemens, em Munique, na Alemanha.

Mas, ele vai ainda mais longe do que isso. A visualização da imagem pode, por exemplo, ocultar ou adicionar o tecido, ganhando assim uma visão completamente diferente dentro do corpo.

Divulgação


A Healthcare foi desenvolvida usando uma técnica implantada na indústria do cinema. Então, o que é exatamente esta "renderização cinematográfica", e o que significa esta nova tecnologia de visualização para médicos e pacientes? De acordo com Engel, a tecnologia permite um salto na produção de imagens do corpo humano em três dimensões.

Cinema como inspiração

Ao Correio, Engels contou que começou a pesquisar a tecnologia depois de perceber que os efeitos especiais do filme O Senhor dos Anéis. "A aparência realista do Gollum, por exemplo, pode ser atribuída à técnica baseada em imagem de sombreamento isto significa , por exemplo, um panorama esférico é capturado usando uma esfera reflexiva isto registra o luz ambiente atual que é então aplicado mais tarde a todos os elementos sintéticos que são adicionados", explica.

O cientista premiado evidência que, embora a impressão 3D biológica ainda seja uma tecnologia relativamente nova, é notável seu sucesso e relevância no campo médico, tornando-a um dos estudos mais influentes do mundo. Como resultado, o mercado de impressão 3D para medicina está previsto para atingir mais de 4 bilhões de dólares em pesquisa e desenvolvimento até 2018.

A repórter viajou a convite da Siemens
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.