SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Xuxa faz show nostálgico para ex-baixinhos com nave, paquidrags e playback

"Nem adianta vocês falarem que a Xuxa apareceu com playback. Eu não canto, gente. É playback mesmo", disparou Xuxa

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 24/10/2016 10:28

Diário de Pernambuco

Reprodução/Facebook

Aos 53 anos, Xuxa Meneghel se emocionou durante show na festa Chá da Alice, na noite deste sábado (22), no Rio de Janeiro. A eterna Rainha dos Baixinhos retornou aos palcos após mais de 15 anos em superprodução. O espetáculo teve direito a nave espacial, paquitas, paquitos e repertório nostálgico, com músicas dos anos 1990 até faixas do projeto Só para baixinhos. A festa foi batizada de Xuchá.

Por volta da 1h40, a loira desceu da nave usada no programa Xou da Xuxa e apareceu com um figurino dos anos 1980 (ombreiras e bota) ao som de Amiguinha Xuxa. Ela agradeceu ao público e assumiu, sem cerimônias, que a noite seria conduzida com playback. "Nem adianta vocês falarem que a Xuxa apareceu com playback. Eu não canto, gente. É playback mesmo", disparou. Durante a apresentação, Xuxa foi acompanhada por paquitas e papaquitos. A apresentadora fez uma viagem ao tempo e relembrou canções como Planeta Xuxa, Libera geral, Tô de bem com a vida, Arco-Íris e Doce mel e muitas outras.


Reprodução/Facebook

Um dos pontos altos do espetáculo foi o momento no qual Xuxa convidou as paquidrags para subir ao palco. Sete dragqueens se caracterizaram de assistentes de palco da Xuxa, dançaram e homenagearam as paquitas. O show ainda contou com participação de Sergio Malandro, que surgiu em um cavalo, relembrando o príncipe no filme Lua de Cristal (1990), recorde de bilheteria à época. Ele homenageou a Rainha dos Baixinhos e celebrou o retorno da loira aos palcos. A noite também teve participação de Alinne Rosa.

A artista voltou ao palco para encerrar a apresentação ao som de Lua de Cristal e Ilariê. Ela se despediu com o antigo bordão "beijinho, beijinho, tchau, tchau" e embarcou na nave. A expectativa é que o espetáculo seja transformado em turnê e circule no Brasil em 2017. A produção do Chá da Alice é assinada pelo pernambucano Pablo Falcão. A festa temática ocorre há oito anos no Rio de Janeiro. O selo já teve versões em várias cidades, como Recife, Florianópolis, Salvador, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Curitiba, e convidadas como Alinne Rosa, Ivete Sangalo, Anitta e Ludmilla.

 

Colaborou Bruno Takahashi.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade