SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Atrativos como preços especiais mobilizam criançada na III Bienal do Livro

Mais de 120 atividades para crianças e adolescentes já garantiram presença superior a 15 mil jovens estudantes

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 27/10/2016 07:26

Rebeca Oliveira /

Luisa Bretas / Divulgação

 

Desde a abertura oficial, na manhã da última sexta-feira, a III Bienal Brasil do Livro e da Leitura teve os corredores lotados por ilustres convidados. São pequenos leitores que fazem do evento um ambiente de descobertas e experimentações. O universo lúdico e sensorial vai ao encontro de novas culturas. A ponte? Livros, autores, escritores, contadores de estórias, professores e, principalmente, os pais. Atividades mais que necessárias em um país onde 67% da população não contou com uma pessoa que incentivasse a leitura, segundo pesquisa do Ibope divulgada em maio.

Para que cenas como a de estandes cheios de leitores mirins fosse possível, a organização do evento comunicou previamente, por meio de informativo da Secretaria de Educação, sobre as 32 mil vagas disponíveis em mais de 120 atividades para crianças e adolescentes. Até o dia 17, cerca de 15 mil alunos já estavam inclusos na listagem de visitantes. Número que, até o encerramento do evento, no domingo, só tende a aumentar.

Na Arena Jovem e Infantil, no Cafe Literário e no Espaço Cecilia Meireles, diferentes horários de programação estiveram abertos ao fomento da literatura entre os mais novos. A logística também atendeu a necessidades específicas das crianças e adolescentes. “Abrimos um portão para a entrada de escolas, com vagas destinadas a elas, mesmo com equipe reduzida em função orçamentária”, destaca Pedro Ortale, coordenador geral da Bienal.

Se, de um lado, ações como os livros a preços especiais – de R$ 2 a R$ 20 – estimula o mercado, de outro, a campanha de doação de livros alarga as possibilidades de acesso social à leitura. Os títulos recebidos serão repassados a todas as bibliotecas comunitárias de Brasília, em parceria com a Mala do Livro.

 

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui

 

 

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade