Marília Mendonça é proibida de deitar no chão de aeroporto: 'Quase chutada'

"Fui levantada no maior desaforo e ignorância que já recebi de alguém", disse a cantora sertaneja, em um post nas redes sociais

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 30/10/2016 14:17

Gil Alves/Divulgação

 

A cantora Marília Mendonça fez um desabafo nas redes sociais, neste sábado (29/10), após ser repreendida por deitar no chão de um aeroporto. "Se você me vir de rosto vermelho hoje por aí, não se preocupa não... É tristeza por saber que ainda existe gente assim", lamentou ela, ao narrar a forma como foi tratada pela funcionária do local.

De acordo com o relato, deletado menos de meia hora depois, ela estava no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, para fazer uma conexão para Vitória, no Espírito Santo.

Leia mais notícias em Diversão e Arte

"Três horas de conexão para que fôssemos para Vitória, então me deitei no chão pois não suportava mais o cansaço, e, do meu jeitinho, arranjei um canto ali no chão frio mesmo. Fui levantada no maior desaforo e ignorância que já recebi de alguém. Quase chutada, acordei assustada, me desculpei mesmo assim e disse que em Brasília ninguém nunca tinha dito nada"


A cantora sertaneja disse não ter tido tempo para descansar após o show em Uberlândia. "A tristeza grande do meu coração é saber que as pessoas batalham tanto para conseguir seus empregos dignos para, depois que conseguem um cargo bom, tratar os outros feito lixo. O respeito cabe em qualquer lugar desse mundo. Entenda os motivos, procure saber, não julgue pela aparência de cansaço ou por estar ali atirada no chão. Você não sabe e nunca vai saber da minha luta, moça.", disparou.

A assessoria de imprensa do Aeroporto de Guarulhos informou que é procedimento padrão abordar passageiros que estão deitados no chão e encaminhá-los para locais oficiais de descanso. Eles ainda afirmaram que vão apurar o caso relatado pela cantora sertaneja.



Com apenas 21 anos, Marília Mendonça é considerada uma das principais vozes do sertanejo atual e conhecida como um dos ícones do movimento com letras protagonizadas por mulheres. Em pouco mais de um ano de carreira, Marília foi apontada como a oitava artista brasileira mais ouvida no YouTube mundial. Ela começou como compositora de músicas gravadas por Jorge e Mateus, Henrique e Juliano, Cristiano Araújo e Wesley Safadão.

Coincidentemente, a atriz e cantora recifense Clarice Falcão compartilhou uma foto na qual está deitada em cadeiras do Aeroporto Eurico Salles, em Vitória. O namorado dela, Guilherme Guedes, está no chão, deitado, usando o computador. Uma foto do escritor Ariano Suassuna descansando no intervalo de uma viagem fez sucesso nas redes sociais. Ele era adepto da prática, comum aos viajantes.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
albertani
albertani - 01 de Novembro às 07:42
quem???????
 
Flavia
Flavia - 30 de Outubro às 21:46
Pois é, no aeroporto de Brasília quem quiser deitar no chão é livre para tal.
 
Sonia
Sonia - 30 de Outubro às 19:31
Vamos ver se as pessoas compreendem que ser civilizado não é ofender, nem retirar alguem de nenhum lugar a base da violência. É analisar a situação e ver se alguém está sendo prejudicado com a questão. Caso não, deixe a pessoa quieta no seu canto e apenas monitore para evitar transtorno. É assim que civilizados tratam os outros.
 
JOse
JOse - 31 de Outubro às 08:50
Se fosse no Serviço Público iriam dizer que é pelo fato de servidor ter estabilidade. Na inciativa privada todo mundo tem medo de perder o emprego, e é tudo lindo e maravilhoso, todo mundo trata bem. Tá aí a prova de que tanto no serviço Público tem bons e maus profissionais.
 
Wilson
Wilson - 30 de Outubro às 15:39
Tadinha dela...