Após ser preso, Aaron Carter troca farpas como irmão na internet

O cantor foi detido por dirigir embriagado e por posse de maconha

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 17/07/2017 14:21 / atualizado em 17/07/2017 14:27

Reprodução/Internet

 
Detido no último sábado (15/7) por dirigir embriagado e por posse de maconha, o cantor americano Aaron Carter virou notícia novamente. Dessa vez, o músico envolveu-se em polêmica nas redes sociais com Nick Carter, irmão do cantor. 
 
Nick, ex-integrante do Backstreet Boys, comentou o incidente por meio das redes sociais: 
"Eu te amo, não importa o que aconteça, e se você sentir que precisa de ajuda, eu estou aqui para te ajudar a melhorar. Família nem sempre é fácil, estamos todos aqui por você", escreveu o músico.
 
 
 
Porém, Aaron não concordou com a declaração e também se pronunciou: "Se meu irmão de sangue realmente se importasse com meu bem-estar, por que ele não me ligaria diretamente para ter uma conversa ao invés de fazer isso em um site público? Não é legal me usar como marketing e me chutar quando estou mal. Eu amo minha família apesar disso", argumentou.
 
Polêmica entre os Carter's
 
Segundo a imprensa internacional, Aaron Carter foi preso por dirigir sob influência de alcool e fumar maconha em uma estrada perto de Kansas City, nos Estados Unidos. Madison Parker, namorada do cantor, também estava no carro e foi detida por posse de maconha e desacato as autoridades. O cantor obteve liberdade no dia seguinte, após pagar a fiança de quase R$ 15 mil. Porém, Madison continua presa.  
 
De acordo com o comunicado oficial divulgado pelo artista, ele estava viajando para promover o single Sooner or later: "Aaron viajou até o mecânico mais próximo em Cornelia, George. Depois de estar na loja e pedir ajuda para arrumar o problema, ele foi preso por vários policiais e foi agredid. A polícia ignorou seu direito de ter um advogado.Aaron possui uma licença para usar maconha medicinal por sofrer de ansiedade. Ele acredita que por ser uma celebridade, ele foi alvo da polícia. O vídeo de segurança da borracharia irá provar que Aaron não estava em um veículo quando foi preso e detido por dirigir embriagado", afirma a nota.
 




Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.