Nelson Faria toca clássicos da MPB no Clube do Choro

O violoncelista e guitarrista será acompanhado por Daniel Castro

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 19/07/2017 07:30

 Arquivo Pessoal/Divulgação

Desde meados da década de 1990, Nelson Faria é um dos músicos brasileiros com presença constante em festivais de jazz no exterior. França, Holanda, Itália e Suíça são alguns dos países da Europa onde o talento e o virtuosismo do guitarrista e violonista mineiro foram apreciados em eventos do gênero; assim como em Washington, em Nova York, em Los Angeles, em Miami e em São Francisco, nos Estados Unidos.

Artista que atualmente se divide entre múltiplos projetos e atividades, Nelson é mais um músico consagrado nacional e internacionalmente que iniciou a carreira na capital. Contemporâneo dos participantes do movimento Rock Brasília, na década de 1980, à época ele era mais ligado à MPB. Na década seguinte, deixou a cidade e desde então está radicado no Rio de Janeiro.

“Quando comecei a tocar profissionalmente, depois de receber aulas dos mestres Gamela e Paulo André Tavares, acompanhei Zélia Duncan em barzinhos e fiz shows instrumentais. Depois, integrei a banda que acompanhou Cássia Eller quando ela passou a morar no Rio, tendo participado inclusive da gravação dos dois primeiros CDs”, lembra. “Mas, logo em seguida, passei a me dedicar ao jazz, estilo musical que é a base do meu trabalho individual”, acrescenta.

Recentemente, o guitarrista se apresentou no Clube da Bossa e, de volta a Brasília, faz show  amanhã e sexta-feira, às 21h, no Espaço Cultural do Choro, pelo projeto comemorativo dos 40 anos do Clube do Choro, acompanhado pelo contrabaixista Daniel Castro. “Nessas duas apresentações tocarei versões jazzísticas para clássicos da obra de Guinga, Tom Jobim, Pixinguinha, Jacob do Bandolim e outros grandes nomes da MPB, e diferentes períodos”, adianta. “No sábado, estarei à frente de um workshop de guitarra no Colégio Mackenzie, na QI 6 do Lago Sul”, anuncia.

Nelson, que foi professor de arranjo, harmonia, improvisação e guitarra na Universidade Estácio de Sá e tem exercido o ofício em eventos diversos pelo país, atuou como professor convidado nas universidades norte-americanas Manhattan Scholl of Music (Nova York), Berklee College os Musisc (Boston) e University of South California (Los Angeles), nos Estados Unidos. Desde 2010, integra o corpo docente da Universidade de Örebro, na Suécia. Ali, costuma passar quatro meses por ano.

Com 20 discos lançados — sendo oito solo e outros em duos e trios e big bands — o músico é autor também de cinco livros, entre os quais, A arte da improvisação, Escalas arpejos e acordes para violão e guitarra e Harmonia aplicada a violão e guitarra. Um outro ambicioso projeto de Nelson é a Fica dica premium, uma nova ferramenta para aprender música no YouTube, em que são apresentados vídeoaulas ministradas pelo próprio Nelson e também por Roberto Menescal, Joyce Moreno e Kiko Freitas.

“Desde de 2015, apresento também no YouTube Um café lá em casa, programa que é uma espécie de  bate papo regado à música. Na rede, estão 140 programas, com Edu Lobo, Ivan Lins, João Bosco, Baby do Brasil, Zélia Duncan e Leila Pinheiro, entre outros” , conta Faria.




Nelson Faria
Show do violonista e guitarrista, acompanhado pelo contrabaixista Daniel Castro amanhã e sexta-feira, às 21h, no Espaço Cultural do Choro (Eixo Monumental), pelo projeto Clube do Choro – 40 Anos. Ingressos: R$ 40 e R$ 20. Não recomendado para menores de 14 anos. Informações: 3224-9599.
 
 
 
 
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.