1ª Maratona de poesias da Livraria Leitura ocorre neste sábado

O evento será no Pátio Brasil e pretende valorizar poetas de Brasília

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 03/08/2017 17:25 / atualizado em 04/08/2017 13:53

Arquivo PessoalDivulgação

 
A 1ª Maratona de poesias da Livraria Leitura é uma parceria entre o Sindicato dos Escritores do Distrito Federal e do grupo Fuxico Literário, coordenado por Luciane Melo. O evento durará 12 horas e há mais de 60 poetas inscritos para declamar trabalhos autorais ao longo do dia. Chico Nogueira, Jorge Amâncio, Louise Sofia Madeira e Noélia Ribeiro são alguns dos nomes confirmados. 

Marcos Linhares, jornalista e presidente do Sindicato dos Escritores, declamará poesias ao público e está por trás da organização da maratona. “Muita gente não sabe quantos bons poetas há em Brasília. O principal objetivo do evento é mostrar a variedade e qualidade das poesias da cidade”, explica. Chico Nogueira, do grupo de cultura popular Mambembrincantes, fará a abertura da maratona, recitando com viola.
 
Arquivo Pessoal/Divulgação

O evento será aberto para quem quiser apenas assistir e para qualquer um que deseje se arriscar na poesia. “Vamos sortear poemas para que as pessoas os levem para casa, haverá momento para autógrafos e, além disso, todos os presentes estarão convidados à compartilhar poesias. Queremos que seja um evento de troca de experiências, feito para compartilhar”, afirma Marcos. Ele acredita que: “para enfrentar a vida é preciso muita poesia”, e por isso aposta na reunião de poetas para fortalecer a arte.

Assim como Marcos, Sandra Fayad colabora com a organização do evento e é uma das poetas que declamará trabalhos na maratona. “Eu acho que vai ser bem animado. A poesia em Brasília está muito dispersa em grupos distantes uns dos outros, e essa é uma oportunidade para elas se juntarem e confraternizarem”, opina Sandra, que também reforça a importância da representatividade no cenário brasiliense. “Estarão reunidas pessoas de várias correntes e de várias cidades satélites e regiões administrativas. É importante que haja unidade para a poesia da capital, que os poetas possam quebrar o distanciamento.”

Serviço
1ª Maratona de poesias da Livraria Leitura
Na Livraria Leitura do Pátio Brasil, sábado (5/8), das 10h às 22h. 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.