Marina Lima canta para dez mil pessoas na Asa Norte

A platéia formada claramente por fãs da estrela fez coro em quase todas as canções

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 30/11/2017 22:49 / atualizado em 01/12/2017 12:26

André  Silva Fotografias/Divulgação

O pop rock de Marina Lima se espalhou nesta noite de quinta-feira (30/11) pela 312 Norte e foi apreciado por uma platéia de 10 mil pessoas que se reuniram naquele espaço. Acompanhada pelo guitarrista Léo Chermont e o baterista Arthur Kunz, da banda paraense Strobo, a cantora abriu o show cantando “Pra começar”, e durante uma hora e meia revisitou antigos hits como “À francesa”, “Fullgás”, “Uma noite e meia”, “Pessoa”,  “Virgem”, “Me chama”, “Mesmo que seja eu” e “Acontecimentos”.

 

A platéia formada claramente por fãs da estrela fez coro em quase todas as canções. Quase ao final do show, ela falou que estava sendo muito bom voltar à Brasília, a cidade onde se define o destino do povo brasileiro, “mesmo que as coisas estejam muito complicadas”. A frase foi a senha para a multidão gritar “Fora Temer”.

 

Antes de Marina, se apresentaram os artistas brasilienses Haroldinho Mattos, Rafael Miranda, PC Campos, o poeta Renato Fino e a poetiza Tita Lima e Silva. A estudante universitária, Lúcia Fernandes, fã de Marina Lima há bastante tempo disse que curtiu muito o show. “Me surpreendi com a voz da cantora que mesmo não sendo mais a mesma de antigamente ainda consegue interpretar bem suas composições”, comentou.

André  Silva Fotografias/Divulgação

O servidor público Eduardo Alvin disse que cresceu ouvindo canções de Marina e que para ele “foi um privilégio assistir a uma apresentação dela gratuitamente e de frente ao palco”, comemorou. O produtor do projeto, Luiz Amorim, reclamou apenas dos ambulantes, que tomaram conta de praticamente toda a rua e atrapalharam a passagem das pessoas. Apesar disso, todo o evento foi tranqüilo e não foi registrada nenhuma ocorrência.

 

Antes do show, Marina falou ao correio que Brasília é uma das cidades em que ela mais gosta de cantar. “O público é muito receptivo e conhece bem o meu trabalho”, disse. A cantora também contou que gravou recentemente um novo álbum com previsão de lançamento para depois do carnaval e cujo título é “Novas família”.

 

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.