Economia
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Mantega diz que redução gradual de estímulos nos EUA é positiva para Brasil de acordo com decisão do Fed, adotada ontem (18), os incentivos concedidos pelo Tesouro norte-americano cairão de US$ 85 bilhões mensais para US$ 75 bilhões

Agência Brasil

Publicação: 19/12/2013 14:43 Atualização:

Ao comentar a decisão do Federal Reserve (Fed, o Banco Central dos Estados Unidos) de reduzir os estímulos à economia norte-americana, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse hoje que, por ser gradual, “o programa do Fed é muito positivo” para o Brasil.

Mantega referiu-se ao início do corte de estímulos à maior economia do planeta: de acordo com decisão do Fed, adotada ontem (18), os incentivos concedidos pelo Tesouro norte-americano cairão de US$ 85 bilhões mensais para US$ 75 bilhões e, até o fim de 2014, haverá diminuição gradual dos estímulos.

O ministro da Fazenda acrescentou: “[Isso] para o Brasil é bom, mas notamos que já estava no preço daquilo que os mercados estavam achando". E disse: “[A medida] vai diminuir a possibilidade de volatilidade cambial no futuro”.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.