publicidade

Ministério da Educação adota tecnologia da Amazon para uso em tablets

Gigante americana fabricante do Kindle vai converter e distribuir livros didáticos pela plataforma Whispercast para até 600 mil tablets usados por professores de todo o país

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 18/03/2014 07:00

Simone Kafruni

A Amazon anunciou nesta terça-feira que vai fornecer a tecnologia Whispercast para o Ministério da Educação (MEC), por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), para converter e distribuir, via internet, 232 livros didáticos a cerca de 600 mil professores do ensino médio de escolas públicas brasileiras.

O diretor da empresa no Brasil, Alex Szapiro, explicou que a subsidiária da gigante norte-americana de tecnologia e compras online Amazon.com participou de um edital em outubro de 2012 para distribuir os livros didáticos no país e venceu a licitação. “Dos 600 mil professores para os quais o MEC promete distribuir tablets, cerca de 200 mil já tem o equipamento e poderão usar a tecnologia da Amazon”, afirmou.

O FNDE está usando a ferramenta Whispercast para gerenciar com segurança o seu catálogo de eTextbooks (Livros Didáticos Digitais), abrir e organizar as contas dos professores em grupos e distribuir os livros digitalizados sem esforços e com rapidez. O conhecimento da Amazon em tecnologias de compressão de livros vai garantir que os professores consigam fazer um download rápido em seus tablets. “A Amazon consegue transformar livros pesados em arquivos muito leves”, destacou Szapiro.

Leia mais notícias em Economia

Trabalhando com o FNDE, a Amazon reforçou o Whispercast, que tem sido usado por milhares de escolas nos Estados Unidos, para atender as necessidades dos professores e administradores no Brasil. “Estamos entusiasmados em trazer novas tecnologias que ajudarão o segmento da educação no país”, comentou o diretor da Amazon.com.br. Ele ressaltou que os educadores que utilizam o aplicativo gratuito de leitura Kindle conseguirão ler, destacar, fazer anotações e utilizar o dicionário diretamente nos livros didáticos, mesmo quando os tablets não estão conectados à internet.

A tecnologia Whispercast oferece um único ponto de acesso para fácil compra e distribuição de livros e documentos para programas educacionais, não só para os e-readers Kindle, mas também com aplicativos gratuitos de leitura para iPad, iPhone, celulares e tablets Android, PCs e Macs. Segundo Szapiro, a tecnologia dá a professores e educadores acesso a milhões de livros Kindle, incluindo eTextbooks, livros populares e clássicos gratuitos, que podem comprar e distribuir para desenvolver programas educacionais por grupos de faixa etária e série.

O diretor da empresa no Brasil explicou ainda que escolas que utilizam dispositivos Kindle também podem usar a plataforma Whispercast para registrar e gerenciar facilmente as configurações do dispositivo, até mesmo incluir proteção por senha, alterar a configuração de redes sem fio privadas de suas organizações a partir de um ponto central e restringir compras individuais.

A Amazon.com.br estreou em dezembro de 2012 e hoje oferece mais de 2 milhões de livros disponíveis aos clientes brasileiros com preços em reais, incluindo mais de 28 mil livros em português, sendo cerca de 2,5 mil gratuitos. A empresa é uma subsidiária da americana Amazon.com, com sede em Seattle (EUA), que estreou na World Wide Web em julho de 1995 e hoje oferece a maior seleção de produtos do mundo.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade