publicidade

Auditores fiscais fazem protesto em frente ao Ministério do Trabalho

O grupo é contra as precárias condições de trabalho e a redução de auditores e servidores administrativos da pasta

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 28/04/2014 10:17 / atualizado em 28/04/2014 10:41

Vera Batista

Cerca de 30 auditores fiscais estão reunidos em frente ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) nesta segunda-feira (28/4). Os manifestantes protestam contra as precárias condições de trabalho e a redução de auditores e servidores administrativos do MTE.

Gustavo Moreno/CB/D.A Press

O grupo acendeu velas em memória às vítimas de acidentes de trabalho. Eles ainda deram um abraço simbólico no prédio do ministério. Uma mostra fotográfica em homenagens às vítimas será lançada às 12h de hoje no Espaço Mário Covas do Anexo 2 da Câmara dos Deputados.

Leia mais notícias em Economia

De acordo com o Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais do Trabalho (Sinait), 750 mil acidentes de trabalho são registrados por ano. Por dia, são oito mortes e 30 trabalhadores ficam com sequelas definitivas.

A presidente do Sinait, Rosa Borges, informou que o sindicato vai entregar um dossiê ao ministro do Trabalho, Manoel Dias, sobre as condições dos auditores de todo país. A categoria também pede um concurso público.

publicidade

publicidade