Fundo Monetário Internacional espera que Kiev cumpra seus compromissos

"Nós já desembolsamos, ao longo da semana, 3,2 bilhões de dólares de um pacote de 17,1 bilhões de dólares", diz diretora-geral do FMI

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 09/05/2014 16:37

France Presse

A diretora-geral do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, disse nesta sexta-feira esperar que a Ucrânia honre os compromissos firmados em troca de uma ajuda financeira de 17,1 bilhões de dólares.

"Nós estamos prestando muita atenção à situação do país e esperamos que as autoridades ucranianas respeitem os compromissos do plano", declarou Lagarde. O FMI espera para isso "um ambiente internacional que trará estabilidade e menos incertezas" que hoje, disse a diretora.

Leia mais notícias em Economia


No momento em que a instituição financeira informou em comunicado recente que sua ajuda seria "remanejada" em caso de separação do leste da Ucrânia, rebeldes pró-Rússia da região preparavam um referendo sobre sua independência, previsto para domingo.

Em Rabat, primeira escalada de uma missão no mundo árabe, Lagarde confirmou que o FMI já havia desbloqueado a primeira parte de sua ajuda à Ucrânia.

"Nós já desembolsamos, ao longo da semana, 3,2 bilhões de dólares de um pacote de 17,1 bilhões de dólares", adiantou Lagarde, em referência ao primeiro empréstimo anunciado na última quarta-feira pelo Banco Central Ucraniano.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade