publicidade

GM anuncia novo recall de 2,4 milhões de veículos nos Estados Unidos

Entre os motivos, diferentes problemas mecânicos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 20/05/2014 14:42 / atualizado em 20/05/2014 15:55

France Presse

A fabricante de automóveis americana General Motors (GM) anunciou nesta terça-feira (20/5) um novo recall para a revisão de veículos, desta vez de 2,4 milhões de unidades nos Estados Unidos por diferentes problemas mecânicos.

O grupo, recentemente multado pelas autoridades americanas por chamadas tardias à revisão, afirma em um comunicado que quer solucionar "rapidamente" problemas de segurança "nascentes".

A GM informou que o recall representa um gasto de 200 milhões de dólares com reparos para o segundo trimestre, que são adicionados a outros 200 milhões de dólares com recalls anteriores.

Leia mais notícias em Economia


Os modelos anunciados para recall foram o Buick Enclave, o Chevrolet Traverse e o GMC Acadia, que apresentam riscos de "desgastes" dos cabos do cinto de segurança abdominal na parte da frente do veículo.

Em caso de acidente, o rompimento dos cabos pode "aumentar os riscos" de lesões para os passageiros, informou o comunicado.

A GM afirmou que nenhum dos recalls neste caso está associado a acidentes fatais.

A GM tem sido criticada nos Estados Unidos por ter demorado a anunciar o recall dos veículos afetados por um defeito que impedia o acionamento dos airbags.

Por causa desse problema, a empresa recebeu na sexta-feira uma multa recorde de 35 milhões de dólares.

Pelo menos 13 acidentes com mortes estão associados à peça defeituosa. Desde o início do ano, a GM já fez o recall de 10 milhões de veículos.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade