J&F diz que seguirá aberta a diálogo independentemente de qualquer decisão

"A J&F acredita que a JBS tem tomado as medidas corretas no tempo correto", diz a holding

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 01/09/2017 13:23

A J&F Investimentos, holding da JBS, afirmou nesta sexta-feira, 1º de setembro, que "sempre esteve e seguirá aberta ao diálogo, independentemente de qualquer decisão judicial". A companhia diz que lamenta que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) tenha instaurado "o caminho judicial em detrimento do diálogo" e reitera que se mantém aberta ao entendimento que preserve os melhores interesses da empresa. "A J&F acredita que a JBS tem tomado as medidas corretas no tempo correto", diz a holding.

Nesta sexta-feira, a Justiça acatou pedido da J&F e suspendeu por 15 dias a Assembleia-Geral Extraordinária (AGE) da JBS que estava marcada para o período da manhã. A holding, da família Batista, recorreu na quinta-feira contra liminar concedida a pedido do BNDESPar e da Caixa Econômica Federal, que havia impedido a participação de Wesley e Joesley Batista na assembleia. 

A suspensão aconteceu minutos antes do início da assembleia. A assembleia foi convocada pelo BNDESPar e, na pauta, estava o afastamento de Wesley Batista da presidência da JBS.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.