SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Brasil fica no 79º lugar em educação entre 187 países em ranking da ONU

Posição qualifica país entre as nações com alto Índice de Desenvolvimento Humano

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 24/07/2014 12:06

Juliana Espanhol

O Brasil ficou na 79ª colocação em educação entre 187 países de acordo com o Relatório de Desenvolvimento Humano 2014 do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud). Com a colocação, o país fica entre as nações com alto Índice de Desenvolvimento Humano. Junto ao Brasil, Granada e Geórgia dividem o 79º lugar do ranking.

Na classificação, o Brasil aparece com índices de alfabetização de 90,4% entre adultos e de 97,5% entre jovens de 15 a 24 anos. Além disso, 53,6% da população de mais de 25 anos de idade ao menos iniciou o ensino médio. Quanto aos investimentos em educação, a média do país ficou em 5,8% do Produto Interno Bruto (PIB) entre 2005 e 2012.

O país com melhor colocação em educação foi a Noruega, seguido por Austrália e Suíça. Entre os vizinhos da América do Sul, o Brasil aparece em desvantagem em relação ao Chile (41º), à Argentina (49º) ao Uruguai (50º) e à Venezuela (67º). O país fica na frente do Peru (82º), da Colômbia e do Equador (ambos em 98º), do Paraguai (111º), da Bolívia (113º) e da Guiana (121º).

Outros indicadores

Além da educação, o IDH é calculado por outros dois fatores: vida longa e saudável e padrão de vida decente. Levando-se em consideração os três critérios, o Brasil também ocupa o 79º lugar, mantendo a classificação de alto IDH. No índice de 2012, o país ocupava a 80º posição. No ano passado, o Pnud divulgou que o Brasil estava em 85º lugar no IDH 2012. A mudança ocorreu devido a uma revisão da metodologia, que foi aplicada a todos os anos para ser possível desenhar uma série histórica. Numa escala de 0 a 1, em que o 1 é o melhor índice possível, o país está com 0.744, contra 0.742 no ano passado. Acesse aqui o estudo completo em inglês.
Tags:

publicidade

publicidade