SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Goiás se destaca nos índices da educação básica

Segundo secretária de Educação do estado, abandono escolar no ensino médio diminuiu 47% entre 2010 e 2013

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 05/09/2014 20:43 / atualizado em 05/09/2014 20:51

O estado de Goiás atingiu a maior nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) do ensino médio na rede estadual, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (5) pelo Ministério da Educação (MEC). Com 3,8 pontos, o estado subiu quatro posições em relação a 2011, último ano que o índice havia sido divulgado. Assim, ultrapassou a meta nacional projetada, que era de 3,4.

A secretária de Educação atribui o resultado ao desempenho dos professores. "Há 4 anos foi lançado um pacto pela educação com 25 metas e nós conseguimos implementar esse pacto, com dificuldade. Mas a escola entendeu que essa mudança era necessária e apesar da dificuldade, atribuo essa mudança ao compromisso do professor. Ele, lá na ponta, fez a diferença, cumpriu compromisso dele com a qualidade da educação".

A secretária citou medidas como o currículo unificado, avaliações diagnósticas bimestrais e trabalho direto com alunos mal avaliados. Houve ainda reforma das escolas, bônus salarial para o professor de acordo com o seu planejamento e assiduidade, poupança aluno no valor de R$ 1,2 mil anual para 10 mil alunos que se saíram bem na prova estadual.

"Lutamos contra a desigualdade social. A unificação do currículo garantiu a qualidade do ensino tanto no nordeste goiano e como no centro metropolitano. Nós reduzimos o abandono escolar no ensino médio de 13,6% em 2010 para 7,6% em 2013, uma queda de 47%. O aluno está gostando de ficar na escola, a melhoria de ensino se deve também ao reforço escolar, o aluno que tem duas faltas na semana, a secretaria tem um atendimento de call center e liga para o pai do aluno. A secretaria tem todo o cuidado de manter o aluno na escola".

Em relação ao ensino fundamental também da rede estadual, Goiás alcançou nota 6,0 nos anos iniciais (1º ao 5º ano), ficando atrás de Minas Gerais e Paraná, ambos com 6,2. Já nos anos finais (6º ao 9º ano), Goiás obteve 4,5, sendo superado por Minas Gerais, com 4,7.

O Ideb é um indicador da educação nas redes privada e pública. É realizado desde 2007 pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e leva em conta dois fatores que interferem na qualidade da educação: rendimento escolar (taxas de aprovação, reprovação e abandono) e médias de desempenho na Prova Brasil, em uma escala de 0 a 10. Portanto, para que o Ideb de uma escola ou rede cresça, é preciso que o aluno aprenda, não repita o ano e frequente a sala de aula.
Tags:

publicidade

publicidade