Educação profissional

IFMS promove intercâmbio entre alunos brasileiros e canadenses

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 17/05/2017 21:00 / atualizado em 17/05/2017 21:22

 

A estudante Thais Lescano, 27 anos, sempre teve vontade de unir educação à tecnologia. Por isso, decidiu se inscrever no processo seletivo do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) para participar de um intercâmbio na área. Desde setembro de 2016, a jovem está no Canadá, onde, agora, faz estágio em uma startup. A ação faz parte do projeto de internacionalização da instituição, que tem atuado tanto para enviar brasileiros ao exterior como para receber estudantes estrangeiros.

 

Thais é formada em letras e concluiu o terceiro dos cinco semestres da graduação em tecnologia em sistemas para internet no IFMS. Ela foi para o Canadá após ser aprovada em uma chamada pública do Programa de Bolsas de Estudo Canadá-Brasil, iniciativa do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), em parceria com o CICan (Colleges and Institutes Canadá).

 

A estudante concluiu o curso de desenvolvimento de aplicativos móveis, no North Island College, na Ilha de Vancouver, em abril deste ano. “Eu nunca aprendi tanta coisa em tão pouco tempo. O ritmo é totalmente diferente, tinha muitos assignments (tarefas passadas pelos professores) toda semana, as aulas eram bem puxadas”, detalha. Em seguida, começou um estágio no Chatter High, startup que auxilia jovens a explorar o mundo após o ensino médio. Thais volta ao Brasil em julho, para concluir seus estudos no IFMS.

 

Vinícius Moraes também está no Canadá. Desde janeiro, está matriculado no Mohawk College, em Ontário. Aprovado no Programa Futuros Líderes nas Américas (ELAP, na sigla em inglês), recebeu uma bolsa de estudos, graças à parceria entre o IFMS e as instituições canadenses.

 

Outras duas estudantes do instituto também vão partir para o país da América do Norte. Annie De Lamare Paz, do campus Campo Grande, e Giovanna Castilho, do campus Aquidauana, foram selecionadas em editais internos do Programa de Intercâmbio do Rotary Club de Campo Grande, realizado em parceria com o IFMS. Ambas cursam o ensino médio e devem embarcar em agosto de 2018.

 

Experiência

O coordenador-geral de Relações Internacionais do IFMS, Flávio Rocha, afirma que a intenção é que os estudantes possam transformar em ações as experiências aprendidas durante o intercâmbio. 

 

“Esperamos que eles possam trazer contribuições com projetos de pesquisa sobre como essa área é vista e trabalhada no Canadá”, disse. “Com relação às meninas do ensino médio, a expectativa que a gente tem no intercâmbio é, além da ideia de aprendizagem linguística, a aprendizagem cultural. A gente acredita que para o jovem é muito importante, pois acaba fazendo enxergar a realidade dele de outra forma.”

 

Como contrapartida, o IFMS vai oferecer curso de português voltado a alunos estrangeiros que estudam na instituição.

 

 

 

Portal MEC