SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Hoje, sai o novo edital das seleções de vagas da UnB

Reserva chega a 726 de 2.092 vagas do vestibular da UnB. Outras 305 serão oferecidas no PAS, totalizando 1.031 para negros e alunos de escolas públicas.

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 19/10/2012 07:00 / atualizado em 19/10/2012 17:54

Manoela Alcântara

Adauto Cruz/DA Press


Os novos editais com as retificações para atender a Lei das Cotas Sociais na Universidade de Brasília (UnB) serão divulgados hoje com possíveis alterações nas datas das provas. Também haverá um número maior do que o esperado de reservas aos cotistas devido ao arredondamento exigido pela Lei Federal nº 12.711. No vestibular tradicional, 14,5% das oportunidades serão para os estudantes de escolas públicas, negros, pardos, indígenas e de baixa renda. Na 3ª etapa do Programa de Avaliação Seriada (PAS), também 14,5% das oportunidades estarão reservadas às cotas sociais.

Na semana passada, o Conselho de Ensino, Extensão e Pesquisa (Cepe) aprovou reserva de 32,5% das vagas totais para algum tipo de cota na UnB. Para as sociais, estavam previstos 12,5%. Para os negros, 20%, como previsto no sistema adotado desde 2004. Porém, de acordo com a assessoria de imprensa do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe), os percentuais são aplicados a partir do contabilizado em cada um dos 96 cursos oferecidos para as seleções. Com o arredondamento previsto pela norma, esse total aumentou para 34,5% para algum tipo de cota no vestibular e para 14,5% no PAS. Se no curso de medicina, por exemplo, o percentual identificado pelo sistema do MEC for de 5,5 vagas, ele deve ser arredondado para 6, pois não é possível fracionar vagas.

Assim, as oportunidades para o vestibular e à 3ª etapa do Programa de Avaliação Seriada (PAS) chegam a 4.184 vagas, nos quatro câmpus: Darcy Ribeiro (Plano Piloto), Ceilândia, Gama e Planaltina. Apenas para a primeira seleção de 2013, são 2.092 chances. Entre elas, 305 serão para os estudantes de escolas públicas e 421 para negros. O PAS terá mais 2.092 oportunidades, sendo 305 para os que se enquadram na nova lei. A soma das reservas nas duas formas de ingresso é de 1.031 para cotistas e 3.153 aos demais concorrentes. Os editais serão publicados no site do Cespe com as definições dos critérios para os próximos certames. Suspensas desde de 5 de outubro, as inscrições serão reabertas hoje. A confirmação das datas de realização das provas também constarão no documento. A previsão anterior era a realização dos testes em 8 e 9 dezembro (vestibular) e em 2 de dezembro (PAS).
Novidades
O documento deve sanar todas as dúvidas dos candidatos quanto ao novo sistema. A UnB tentou incluir o maior número de detalhes possíveis para que as pessoas entendam como será a implementação da norma. Uma das facilidades será a divisão de vagas por curso e por sistema de ingresso. Será discriminado no edital quantas oportunidades para os que vieram da rede pública de ensino; para negros, pardos e índios; os de famílias com renda per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo; e outros.

Segundo o decano de Ensino e de Graduação da UnB, José Américo Soares, os percentuais determinados no decreto que regulamentou a Lei nº 12.711 foram todos considerados para alcançar os números finais. “Está tudo com base no software do Ministério da Educação, que faz os cálculos direto, por curso”, disse. Ele ressalta ainda que o MEC vai disponibilizar um passo a passo sobre o assunto, na próxima segunda-feira, a ser divulgado também no site www.cespe.unb.br.

Além disso, virão enumerados os documentos necessários para comprovar a renda e o currículo escolar, como prevê a Portaria Normativa nº 18. Será necessário apresentar contracheques; declaração de Imposto de Renda; Carteira de Trabalho registrada e atualizada; extrato atualizado da conta vinculada do trabalhador ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS); e extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos, da pessoa física e das jurídicas vinculadas. Há ainda documentação específica para aqueles que praticam atividade rural; aposentados e pensionistas; autônomos e profissionais liberais; entre outros.

Até a suspensão do cadastro, 18.125 candidatos haviam se inscrito para o vestibular convencional e 6.354, à 3ª etapa do PAS. O registro deles está mantido. Os que desejarem mudar a forma de ingresso à universidade e optar pelo sistema de cotas poderão fazê-lo por meio de mecanismo elaborado pelo Cespe.

 

Tags:

publicidade

publicidade