Estudante da UnB faz guia de Brasília como trabalho de conclusão de curso

Jovem levou oito meses para elaborar o livro; defesa da banca é nesta quinta-feira (4)

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 03/12/2014 19:06 / atualizado em 04/12/2014 13:22

Juliana Espanhol

Juliana Espanhol/Esp. CB
Três paixões inspiraram a estudante Isabela Bonfim, 23 anos, a escrever o livro A cidade além do Congresso – um guia para conhecer Brasília como brasiliense como trabalho de conclusão de curso em jornalismo na Universidade de Brasília (UnB): as viagens, a reportagem e a própria capital federal. “Queria fazer uma coisa de que eu gostasse no meu trabalho final. Mesmo depois de viajar muito e conhecer 28 países, Brasília é a minha cidade preferida. Também sempre quis ser jornalista, então foi mesmo a união dessas três coisas de que gosto muito que me motivou”, explica. A jovem apresenta sua banca nesta quinta-feira (4), na Faculdade de Comunicação (FAC) da UnB. O projeto foi orientado pelo professor Sérgio Araujo de Sá. A responsável pelo design do livro é Luísa Ulhoa, e as fotografias são de Johnatan Reis, também aluno da FAC.

Os textos do guia se diferenciam de outras publicações do tipo por serem reportagens feitas pela estudante. “Sempre há falas de outras pessoas, dos frequentadores dos locais. As dicas são dos moradores da cidade”, conta Isabela. Seguindo o plano elaborado por Lucio Costa, o livro é dividido em quatro escalas: monumental, gregária, residencial e bucólica. “Conversei com muitos turistas, e eles diziam que tinham conhecido a cidade, mas, na verdade, só tinham visitado a Esplanada. Com o guia, quero mostrar que há outras coisas para se ver aqui”, diz. A elaboração do material durou cerca de oito meses e levou a estudante a novos lugares e a velhos conhecidos. “Havia locais que ainda não tinha visitado, como a Ermida Dom Bosco. Já o Conic e o Cine Drive-in são a cara de Brasília e nunca ficariam de fora do guia, na minha opinião. São lugares a que faço questão de levar amigos que vêm conhecer a cidade”, diz.

Na introdução, o livro explora um pouco da história de Brasília e das particularidades da capital, como o sistema de endereçamento. As próximas páginas trazem dicas de gastronomia, compras, cultura e diversão. “Com algumas exceções, como o bar Beirute, evitei indicar locais pontuais. No lugar, coloquei ruas de compras, como a quadra da informática (207/208 Norte) e a da moda (304/305 Sul). Nesse sentido, a setorização da cidade ajudou”, afirma. Nascida em Ceilândia e moradora da Asa Sul, Isabela lamenta não ter tido tempo para incluir um capítulo sobre outras cidades do Distrito Federal. “Infelizmente, não tive tempo de incluir um capítulo sobre as cidades-satélites. Porém, isso é algo que eu gostaria de fazer, caso consiga apoio para lançar o livro”, conta a estudante.

Não perca!

Apresentação de A cidade além do Congresso – um guia para conhecer Brasília como brasiliense
Data e horário: Quinta-feira, 5 de dezembro, às 10h
Local: Sala 4 da Faculdade de Comunicação (FAC) da UnB


 

Tags: