SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Estudantes da UnB buscam financiamento coletivo para produção audiovisual

Com o projeto de produzir curta-metragem intitulado Cóclea, os jovens pretendem tratar sobre as dificuldades enfrentadas pela comunidade surda

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/07/2015 14:28

Grupo de estudantes da Universidade de Brasília (UnB) busca financiamento coletivo para a produção de curta-metragem que trata sobre a surdez no país. Intitulado Cóclea, o filme será produzido como trabalho de conclusão de cursos da Faculdade de Comunicação pelas estudantes Isa Lima, que dirige o projeto e cursa o décimo semestre de comunicação social com habilitação em audiovisual, e Júlia Seabra, que está no décimo semestre do curso de comunicação organizacional. Os demais integrantes da equipe técnica são voluntários dos cursos de audiovisual, jornalismo  e publicidade e propaganda da Faculdade de Comunicação, além de estudantes dos cursos de artes cênicas e design.  

Com 15 minutos de duração, o curta-metragem conta a história de uma jovem surda que é submetida a um implante coclear, no qual um dispositivo é fixado no ouvido da pessoa surda, que passa a escutar sons próximos aos originalmente emitidos. Com a produção, os universitários pretendem estimular o debate sobre a situação das pessoas surdas, mostrar as dificuldades enfrentadas por elas e difundir a língua brasileira de sinais (libras). Para tornar acessível ao público com surdez, o filme contará com legendas e audiodescrição. Entre os participantes, apenas os atores e os intérpretes de libras serão pagos.  

Por meio de plataforma on-line, os jovens pretendem arrecadar R$ 5.500 para arcar com custos de alimentação, transporte de equipe e de equipamentos, cenografia das locações, atores, intérpretes de libras e divulgação. As doações são feitas pelos chamados benfeitores – pessoas físicas ou jurídicas interessadas no projeto, que podem contribuir com qualquer valor e, em troca, recebem benefícios como créditos ao fim do filme e o DVD do curta-metragem. Faltando 31 dias para o fim do período de arrecadação, a iniciativa recebeu R$ 2.615. Os interessados podem contribuir com o projeto até 20 de agosto pelo site www.beta.benfeitoria.com/filmecoclea.

publicidade

publicidade