publicidade

Agnelo recebe professores da rede pública para discutir propostas

Resultado da reunião será debatido em assembleia marcada para esta quarta, às 9h30

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 02/04/2013 20:38

Representantes do Sindicato dos Professores do Distrito Federal (Sinpro-DF) estão reunidos com o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, para discutir as reivindicações da categoria. Os docentes esperam melhorias na proposta anterior apresentada pelo governo e pedem isonomia em relação a outras carreiras públicas.

Na última assembleia, em março, os docentes recusaram a proposto do governo de rompimento da exigência de exclusividade para recebimento da gratificação Tidem, que passaria a ser incorporada ao salário, e do reajuste de 15,76% nos salários, dividido ao longo de três anos. O reajuste foi uma das promessas do governo na negociação que deu fim à greve de professores, em maio de 2012.

Para garantir a isonomia, o Sinpro pede que outras gratificações além da Tidem também sejam incorporadas ao salário. Outra reivindicação é a redução dos padrões profissionais para a carreira, que implica na diminuição do tempo que o professor leva para atingir melhores cargos e salários.

O resultado da negociação de hoje com o governador será discutido em assembleia marcada para esta quarta-feira (3/4), às 9h30, na Praça do Buriti.

publicidade

publicidade