SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Universidade russa abre vagas para brasileiros que querem estudar medicina

Seleção dos candidatos segue até o dia 25 de março para o embarque que acontece em junho

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 14/03/2013 17:22

A Aliança Russa de Ensino Superior começou a entrevistar brasileiros interessados em cursar medicina na Universidade Estatal de Kursk, considerada uma das melhores da Rússia. São 20 vagas abertas para estudantes com fluência em inglês e que já concluíram o Ensino Médio. A seleção dos candidatos inclui reunião com os pais e análise do histórico escolar.

Antes do início das aulas de medicina, os alunos passarão três meses pela Faculdade Preparatória, onde aprenderão física, química e biologia, aplicada à medicina, em inglês. Aulas desse idioma, evidentemente, também fazem parte da grade.

A Universidade fica a cerca de 500 quilômetros da capital Moscou. Kursk é uma cidade de custo de vida baixo e esse é um dos principais motivos pelos quais muitos estudantes estrangeiros têm procurado a instituição para conseguir um diploma médico europeu. Atualmente, mais de 250 alunos brasileiros estão matriculados. A relação custo-qualidade de ensino é incomparável com a maioria das cidades do mundo, já que o estudante terá acesso a um dos melhores sistemas educacionais, com turmas de, no máximo, 12 alunos.

O valor cobrado por aluno é simbólico por causa da política de incentivo a estudantes estrangeiros adotada pelo governo russo. Em média, cada estudante desembolsa entre R$ 7 mil e R$ 10 mil por ano em despesas entre curso e moradia, valor muito inferior ao das universidades particulares no Brasil, devido ao subsídio dado pelo governo russo aos estrangeiros. A duração do curso é de seis anos e o aluno tem direito a seguro médico, tutoria acadêmica e moradia universitária.

Os interessados devem se inscrever pelo site www.aliancarussa.com.br ou pelos telefones (11) 3854-2513 / 3854-2514 / 3854-2515.

Estudo reconhecido
A Aliança Russa é representante oficial das principais universidades russas no Brasil desde 2005. O trabalho do órgão consiste na seleção dos candidatos, no processo de orientação da faculdade, na obtenção da documentação necessária para permanência legal no país, inscrição na universidade e assessoria durante a viagem até a chegada do estudante ao destino.

Ao voltar para o Brasil, o estudante submete o diploma adquirido ao processo de reconhecimento em uma universidade brasileira, um procedimento padrão para qualquer brasileiro que faça graduação em centros de ensino estrangeiros. Desde 2010, o chamado Diploma Único de Estudos Superiores da Europa, do qual a Rússia faz parte, passou a valer conforme o Tratado de Bolonha. Seu objetivo é facilitar a mobilidade dos estudantes e profissionais do ensino superior da Europa.

Tags:

publicidade

publicidade