SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Inscrições para o Enem 2013 começam nesta segunda-feira

MEC anuncia maior rigor na correção das redações para evitar casos como o do estudante que incluiu uma receita de miojo no texto

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 08/05/2013 16:13 / atualizado em 13/05/2013 10:10

O Ministério da Educação divulgou, nesta quarta-feira (15/5), o calendário do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013. As inscrições terão início na próxima segunda-feira (13/5) e vão até 27 de maio. inscrever pela internet no endereço http://sistemasenem2.inep.gov.br/inscricaoE-nem.O pagamento da taxa, de R$ 35, poderá ser feito até o dia 29. As provas serão aplicadas em 26 e 27 de outubro.


Confira o edital de abertura


Durante a apresentação do calendário, o ministro Aloizio Mercadante também anunciou mudanças no exame deste ano. Agora, as redações que tiverem inserções indevidas serão anuladas e o rigor com a norma culta da língua será maior. Na última edição da prova, foram registrados casos de candidatos que incluíram uma receita de miojo e o hino do Palmeiras no texto e que tiraram notas acima de 500, além de provas que traziam palavras com a grafia errada, como "enchergar” e “rasoavel”, que ficaram com 1.000 pontos, a nota máxima.

Na época, o ministro chegou a anunciar que as redações que recebessem nota máxima de dois avaliadores passariam por uma banca. Hoje, porém, Mercadante descartou essa possibilidade, mas afirmou que, mesmo nesses casos, a avaliação será rigorosa. "Para tirar nota máxima (o texto) vai ter que ser muito bom e a banca vai ter de justificar muito bem porquê deu essa nota", disse.

Outra mudança que afetará a correção das redações será a redução da discrepância entre as notas dadas por cada avaliador. Antes, o texto era corrigido por dois avaliadores e só passava para um terceiro caso a diferença entre as duas primeiras notas fosse de 200 pontos. A partir de agora, o terceiro corretor avaliará a redação se essa diferença chegar a 100 pontos.

 

O maior rigor na correção da redação vinha sendo discutido pelo ministério desde os problemas apresentados na edição passada, quando foram detectadas cerca de 300 provas com trechos inadequados. De acordo com Mercadante, foram afastados 394 corretores de provas que trabalharam no último Enem.

Isenção
Mercadante também anunciou a ampliação da faixa de isenção da taxa de inscrição do Enem. Antes, apenas candidatos de famílias com renda de até um salário mínimo per capita podiam requisitar o benefício. Agora, ele será estendido a participantes com renda de até um salário mínimo e meio por pessoa, além dos estudantes que cursaram o ensino médio em escolas públicas, conforme define a lei.

Para evitar casos como o da jovem que deu à luz durante a prova do Enem no ano passado, será disponibilizado atendimento telefônico para todos os participantes que solicitarem atendimento específico diferenciado, incluindo gestantes.

Com informações de Grasielle Castro

Ouça exposição do ministro Aloizio Mercadante sobre o Enem 2013

Veja a apresentação do ministro Mercadante sobre o Enem

Tags:

publicidade

publicidade