Cespe divulga local de provas do PAS

Informações sobre onde os candidatos vão se submeter à terceira etapa já estão disponíveis. Professores recomendam revisão,concentração e tranquilidade na disputa por vagas da UnB

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 26/11/2013 11:25 / atualizado em 01/12/2013 18:16

Ana Pompeu , Clara Campoli

Na etapa final do Programa de Avaliação Seriada (PAS), da Universidade de Brasília (UnB), os estudantes já podem consultar onde vão fazer a prova que vai determinar a distribuição de vagas no próximo semestre da instituição. Os alunos que vão prestar a terceira etapa do Subprograma 2011-2013 devem verificar o local de avaliação no site www.cespe.unb.br/pas. Para isso, basta acessar o link indicado na aba correspondente à prova e fazer login. O serviço está disponível desde o fim da tarde de ontem. Até o fechamento desta edição, não era possível verificar a concorrência para cada curso, que pode ser divulgada a qualquer momento.

Os estudantes que vão prestar a primeira e a segunda etapas poderão saber local e horário de provas a partir de sexta-feira. O Centro de Seleção e Promoção de Eventos (Cespe) é o responsável pela elaboração, aplicação e correção das provas. Faltam oito dias para a terceira etapa, e 14 dias para as outras duas. Nas semanas que antecedem a prova, professores de ensino médio recomendam tranquilidade. Os alunos estão bem cansados. O importante é manter um ritmo mínimo para fazer revisão de alguns pontos que tradicionalmente caem na prova, diz o coordenador da área de matemática do Marista, Bruno Braga.

Lógica
O professor defende que um pouco de apreensão é até necessário para o aluno não relaxar demais e acabar se prejudicando, sem deixar passar do limite. Em relação à disciplina que leciona, ele afirma que o importante é retomar os conceitos. A UnB tem muitas questões teóricas. O aluno também tem que fazer argumentação lógica e concisa. Tem que ter conhecimento não só do cálculo, mas também do fundamento e da aplicação, explicita.

Professor da mesma disciplina do Leonardo da Vinci, Genildo Marinho gosta de lembrar aos alunos que eles serão testados a vida inteira. Na escola, para tirar carteira de motorista, em concursos sempre há teste de conhecimentos. É bom tentar encarar como algo natural e não dar a isso um peso maior do que já tem. Processos seletivos para universidades já provocam pressão suficiente, argumenta. Genildo acredita que a reta final é momento de ajustes em conteúdos em que ainda há insegurança.

O conselho do professor de português, redação e do centro de linguagens do Marista Anderson Matias é atenção ao edital e às provas passadas. Fazendo isso, é possível notar que alguns aspectos de conteúdos são muito recorrentes. Assim dá para afinar o olhar. Embora não seja garantia de nada, é um indicativo do que a banca do Cespe cobra e o caminho que segue, analisa o professor. Checar as obras indicadas também ajuda. Não só as literárias, mas também músicas e filmes, tentando encontrar conexões com os conteúdos aprendidos. A UnB oferece 2.097 vagas para 98 cursos, nos quatro câmpus: Asa Norte, Ceilândia, Gama e Planaltina. Estão reservadas aos alunos de escolas públicas, negros, pardos e indígenas 553 vagas e outras 1.544 para o universal. Pela primeira vez, será oferecido bacharelado de ciências da computação noturno.
Tags: