SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Aborto e denúncias sexuais agitam debate entre Hillary e Trump

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/10/2016 00:49

France Presse

AFP
 

 

A questão do aborto e as denúncias de abuso sexual contra Donald Trump agitaram o último debate entre o candidato republicano e sua adversária democrata, Hillary Clinton, nesta quarta-feira, em Las Vegas, Nevada.

A discussão sobre a Suprema Corte abriu o encontro, com Hillary e Trump expondo suas diferenças em relação aos juízes a serem escolhidos pelo futuro presidente para a mais alta instância do Poder Judiciário dos Estados Unidos.

Trump buscou tranquilizar a base conservadora de seu partido, ressaltando que indicará juízes pró-vida (contrários ao aborto) e que se oponham a mais controles aos donos de armas. Nesse sentido, agradeceu à National Riffle Association (NRA) - o principal lobby de armas do país - pelo apoio à sua campanha.

Hillary rebateu criticando o atual Congresso de maioria republicana por impedir o presidente Barack Obama de tentar preencher o assento vacante na Suprema Corte. A democrata disse ainda que vai "defender o direito das mulheres de fazer suas próprias decisões de cuidado de saúde".

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade