Trump e Putin conversam sobre interferência russa na eleição americana

Putin negou acusações de que a Rússia teria interferido nas eleições, mas se comprometeu em não se envolver nas questões dos EUA ou de qualquer outro país

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 07/07/2017 15:17

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, expressou suas preocupações sobre a interferência da Rússia nas eleições americanas em 2016, segundo o secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson.


O secretário americano se encontrou com o ministro de Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, após a reunião bilateral de Putin e Trump na cúpula do G-20.

Segundo Tillerson, Putin teria negado qualquer envolvimento do governo russo na questão das eleições dos EUA e que a Rússia teria pedido por "provas e evidências" de um ataque cibernético em bancos de dados eleitorais que teria sido perpetrado pelo país.

Ainda, Tillerson declarou à imprensa que Trump quer que a Rússia se comprometa a não interferir nas questões dos EUA, nem de outros países e que ambos os líderes discutiram como "seguir em frente" após os acontecimentos.

A reunião de Putin e Trump, que estava programada para durar meia hora, acabou levando mais de duas horas. Tillerson afirmou que o encontro foi longo, pois ambos os lados "tinha muito para conversar".
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.