EUA, Seul e Japão condenam lançamento de míssil da Coreia do Norte em nota

Segundo Trump, Jae-in e Abe, o episódio mostra a "crescente ameaça" que Pyongyang

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 07/07/2017 21:58

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, o presidente sul-coreano, Moon Jae-in, e o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, divulgaram comunicado conjunto após o trio se reunir em Hamburgo, onde ocorre a cúpula do G-20. As autoridades condenaram o lançamento de um míssil balístico intercontinental pela Coreia do Norte, apontando que o episódio mostra a "crescente ameaça" que Pyongyang representa para os três, bem como para outros países pelo mundo.


"Os líderes afirmaram a importância de trabalho conjunto para conter a ameaça da Coreia do Norte e para alcançar uma desnuclearização completa, verificável e irreversível da Península Coreana de maneira pacífica, um objetivo compartilhado entre os três países", afirma a nota. O trio afirma que "nunca aceitará" que os norte-coreanos tenham armas nucleares.

Trump, Moon e Abe dizem que pretendem pressionar por mais sanções contra a Coreia do Norte e pedem que os outros países reduzam suas relações econômicas com ela. Também defendem que os países que fazem fronteira com a Coreia do Norte - uma referência aparente sobretudo à China - façam mais esforços para convencer o regime norte-coreano a abandonar sua atual trajetória "ameaçadora e provocativa".
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.