Exumação revela bigode intacto de Salvador Dalí, 28 anos após morte

A exumação foi ordenada no fim de junho pela Justiça, após um pedido de teste de DNA apresentada por Pilar Abel Martínez, uma cartomante de 61 anos que diz ser filha única de Dali

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 21/07/2017 10:20 / atualizado em 21/07/2017 10:30

 AFP / STF - 1/1/1972


O bigode de Salvador Dalí permanece intacto após 28 anos da morte do pintor surrealista. A descoberta foi feita por peritos que exumaram o corpo do artista na noite dessa quinta-feira (20/7). Foram extraídos cabelos, unhas e dois ossos longos do artista para uma coleta de seu DNA, que será usado num teste de paternidade.

 

A exumação foi ordenada no fim de junho pela Justiça, após um pedido de teste de DNA apresentada por Pilar Abel Martínez. A cartomante de 61 anos diz ser filha única de Dalí. Caso prove sua filiação, Pilar poderá receber ao menos 25% da herança do pintor. 

 

Leia mais notícias em Mundo

 

Os restos de Dalí foram retirados de uma lápide de 1,5 tonelada que cobre seu túmulo no Teatro-Museu Dalí, em Figueras, na Espanha, concebido por ele próprio. O lugar já recebeu mais de 1,1 milhão de visitantes só em 2016.

 

 Lluis Gene /AFP - 20/7/2017

 

Prova de paternidade 

 

O DNA do artista será examinado no Instituto de Toxicologia e Ciências Forenses, em Madrid. Após compará-lo com o material colhido de sua suposta filha, Pilar Abel, as provas serão apresentadas no julgamento a respeito do teste de paternidade marcado para 18 de setembro.

 

Salvador Dalí morreu aos 84 anos, em 24 de janeiro de 1989, em um hospital de Figueras, onde nasceram tanto o artista como sua suposta filha. 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.