Começa julgamento de repórteres do jornal opositor ao presidente da Turquia

Ao todo, estão no banco dos réus 17 jornalistas, dirigentes e outros colaboradores que trabalham, ou já trabalharam, no "Cumhuriyet"

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 24/07/2017 08:59 / atualizado em 24/07/2017 11:56

 Ozan Kose/ AFP - 24/7/2017


Instambul, Turquia - Teve início nesta segunda-feira (24/7), em Istambul, o julgamento de vários jornalistas do emblemático jornal turco de oposição "Cumhuriyet", acusados de apoiar "organizações terroristas armadas".

Ao todo, estão no banco dos réus 17 jornalistas, dirigentes e outros colaboradores que trabalham, ou já trabalharam, no "Cumhuriyet". O jornal é muito crítico do presidente Recep Tayyip Erdogan.


O julgamento começou com a identificação dos acusados, recebidos na sala de audiência sob aplausos de várias pessoas que foram lhes manifestar seu apoio, relataram fontes do jornal.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.