Mianmar reabre escolas no estado de Rakhine

Onda de violência na região tem obrigado moradores a fugirem para Bangladesh

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 01/10/2017 11:22

Yangon, Mianmar - O governo de Mianmar anunciou a reabertura de escolas no estado de Rakhine, palco de uma onda de violência desde o final de agosto que vem obrigando milhares de rohingyas a fugirem para o vizinho Bangladesh.

O Ministério birmanês da Educação informou que as escolas foram reabertas nas cidades de Maungdaw e Buthidaung, depois que a "estabilidade" voltou a essas localidades afetadas pela escalada, indicou o jornal oficial Global New Light of Myanmar.
 

"As escolas nos povoados étnicos estão seguras", disse o jornal, em uma aparente referência às zonas do estado de Rakhine habitadas por budistas.

"Mas, devemos pensar nas escolas nas localidades bengalis", completou o Ministério, segundo o jornal.

O Estado birmanês não reconhece os rohingyas como um grupo étnico, classificando-os como "bengalis".
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.