Aumenta para 43 número de mortos por furacão Maria em Porto Rico

Rosselló havia informado 34 mortos na semana passada, depois que o presidente americano, Donald Trump, visitou a ilha e elogiou o governador por poucas pessoas terem morrido em comparação a outros desastres

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/10/2017 17:04

O furacão Maria deixou 43 mortos em Porto Rico, informou nesta terça-feira (10/10) o governo da ilha, acrescentando que três semanas depois da passagem do ciclone, 16% das pessoas recuperaram a energia elétrica.



"O número de mortes relacionadas direta ou indiretamente à passagem do furacão Maria pela ilha aumentou para 43", escreveu em um comunicado o gabinete do governador, Ricardo Rosselló.

Rosselló havia informado 34 mortos na semana passada, depois que o presidente americano, Donald Trump, visitou a ilha e elogiou o governador por poucas pessoas terem morrido em comparação a outros desastres.

A Autoridade de Energia Elétrica (AEE) informou que, depois de serem atingidos em 20 de setembro pelo Maria, 16% dos usuários recuperaram a energia elétrica.

Porto Rico, um território americano associado de 3,4 milhões de habitantes, ficou completamente sem eletricidade e telecomunicações após a passagem do ciclone, que deixou povoados inteiros arrasados e florestas devastadas.

 

 

 

Leia mais notícias em Mundo

 

"Espera-se que nos próximos dias tenhamos muito mais recursos, tanto de equipe como de pessoas para restabelecer o sistema de energia elétrica em Porto Rico o mais rápido possível", disse o secretário de Assuntos Públicos e Política Pública, Ramón Rosario, no comunicado do governo.

Também explicou ter solicitado 115 milhões de dólares em materiais, entre os quais incluem 50.000 postes e 10.458 quilômetros de cabeamento para a transmissão e distribuição de energia.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.