Carro invade calçada e deixa pelo menos oito mortos em Nova Iorque

Testemunhas contaram ter visto uma batida de carro, depois uma pessoa sair de um dos automóveis portando duas armas, antes de ouvir os disparos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 31/10/2017 18:28 / atualizado em 31/10/2017 20:34

Reprodução/ Twitter

 

Um homem atirou sua caminhonete nesta terça-feira contra ciclistas em Nova York, em "um ato de terrorismo" que deixou oito mortos e uma dezena de feridos em Manhattan, informou o prefeito Bill de Blasio.

 

"Com base na informação de que dispomos no momento, trata-se de um ato de terrorismo (...) particularmente covarde", disse o prefeito democrata durante entrevista coletiva, na qual lamentou "este dia muito doloroso para nossa cidade".

 

"Sabemos que perdemos as vidas de oito pessoas inocentes e mais de dez ficaram feridas", acrescentou De Blasio.

 

O governador democrata de Nova York, Andrew Cuomo, destacou que a cidade "é um símbolo internacional de liberdade e democracia", o que a faz "também um alvo desta gente que rejeita estes conceitos". "Já vivemos isto antes".

 

Já o presidente Donald Trump qualificou o agressor de um "doente e perturbado".

 

"Em NYC parece ser outro ataque de uma pessoa muito doente e perturbada", tuitou o presidente. "As autoridades acompanham isto de perto. NÃO NOS EUA!"

 

A caminhonete invadiu uma via para pedestres e ciclistas em Lower Manhattan, atropelando várias pessoas", segundo as autoridades. "O veículo seguiu no sentido sul e atingiu outro veículo. O suspeito saiu do veículo exibindo réplicas de armas de fogo e foi atingido por tiros disparados pelo Departamento de Polícia de Nova York".

 

A porta-voz da Casa Branca Sarah Huckabee Sanders disse que Trump acompanha atentamente o caso e que "nossos pensamentos e orações estão com todos os afetados".

 

Segundo os serviços de emergência, o ataque ocorreu às 15H06 (17H06 Brasília) nas ruas Chambers e West Street, no bairro de TriBeCa, na zona da Stuyvesant High School, quando a cidade celebra a festa do Halloween. 

 

Nova York, colocada várias vezes sob alerta de segurança após os atentados de 11 de setembro de 2001, é a capital financeira e do entretenimento nos Estados Unidos, com uma população de 8,5 milhões de habitantes. 


Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.