Ex-presidente georgiano é detido na Ucrânia em investigação criminal

Saakashvili, feroz opositor ao presidente Petro Poroshenko que lhe retirou sua nacionalidade ucraniana, foi detido e acusado de "cumplicidade com uma organização criminosa"

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 05/12/2017 10:19

Kiev, Ucrânia - Os serviços de segurança ucranianos (SBU) detiveram nesta terça-feira o ex-presidente georgiano Mijaíl Saakashvili após uma busca em seu domicílio de Kiev no contexto de uma investigação criminal. 

Saakashvili, feroz opositor ao presidente Petro Poroshenko que lhe retirou sua nacionalidade ucraniana, foi detido e acusado de "cumplicidade com uma organização criminosa", um delito que pode levar a entre três e cinco anos de prisão, segundo um comunicado do SBU. 

Dezenas de policiais armados bloquearam nesta manhã a entrada do edifício de Saakashvili, no centro de Kiev, e partidários do ex-presidente georgiano tentaram impedir a passagem do furgão policial no qual levaram os agentes, segundo um jornalista da AFP. 
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.